Acender ou não acender, eis a questão!

Existem aqui duas realidade bem distintas, mas que precisam ser expostas para serem esclarecidas.

Posso acender incenso dentro da minha casa?O incenso para nós Católicos dentro das celebrações Liturgicas sempre trazem o sentido de que nossas orações, suplicas e sacrifícios, assim com aquela fumaça chega ao céus, também as nossas orações chegam à Deus.
A Palavra de Deus também nos ajuda a esclarecer a realidade do incenso: “Suba a minha prece como incenso à tua presença, minhas mãos erguidas como oferta vespertina!” (Sl 141,2)
E no livro do Apocalipse ainda temos outra passagem que nos diz:E outro Anjo se colocou perto do altar: tinha nas mãos um turíbulo de ouro. Ele recebeu uma grande quantidade de incenso para ser oferecido, juntamente com as orações de todos os santos, sobre o altar de ouro, que está diante do trono. Da mão do Anjo subia até Deus a fumaça do incenso com as orações dos santos.” (Ap 8,3-4)

Acredito que até aqui deu para se entender o que para nós Católicos significa a fumaça do incenso.

Agora, existe uma outra realidade e que se espalhou de forma gigantesca que é a realidade do incenso utilizado dentro do Esoterismo. E é aqui que precisamos tomar cuidado!
A grande maioria dos lugares que vendem o incenso, o vendem com na intenção do mesmo ser utilizado de uma forma supersticiosa. Geralmente para trazerem “bons fluidos” para dentro do ambiente na qual são acesos, ou para “espantar maus espíritos“. Existe ainda incenso com características particulares para trazer o amor, a paz, a harmonia, dinheiro, tirar mau olhado e coisas do tipo….
Isso são práticas supersticiosas, e como nos ensina o Catecismo da Igreja Católica, a superstição se torna um pecado:

A superstição é o desvio do sentimento religioso e das práticas que ele impõe. Pode afetar também o culto que prestamos ao verdadeiro Deus, como por exemplo quando atribuímos uma importância de alguma maneira mágica a certas práticas, em si mesmas legítimas ou necessárias. Atribuir eficácia exclusivamente à materialidade das orações ou dos sinais sacramentais, sem levar em conta as disposições interiores que exigem, é cair na superstição” (CIC 2111)

E ainda temos o grande risco de comprarmos este tipo de material em locais que são verdadeiramente consagrados a determinadas entidades relacionadas ao ocultismo.
Conheci pessoas que já mexeram com vendas de produtos esotéricos, e que na época não eram Católicas, e que todos os seus produtos e objetos que vendiam eram consagrados as entidades (Demônios) relacionada a sua seita.

Qual é então o meu resumo particular para tudo isso: Se eu for utilizar o incenso como uma forma simbólica para me ajudar a rezar, posso utiliza – lo com a condição de que eu o compre em lojas de referencias Católicas.

Se eu quiser o incenso para outro objetivo, por exemplo deixar um perfume no ambiente, recomendo que se utilize outra forma de recurso, hoje existem muitos no mercado, de diferentes modos de se usar, variados preços e formas, que cumprirão bem o objetivo de deixar o ambiente perfumado, e não há os riscos de se comprar algo que não se deva.

Essa é a minha opinião pessoal. Realmente não posso dizer que se você acender um incenso estará praticando a superstição, ou que estará colocando em risco sua vida espiritual por algum motivo. Dentro da minha casa de maneira particular, eu não usaria incensos para me ajudar a rezar, penso que ele deva somente ser usado nas celebrações liturgicas. E para perfumar o ambiente, certamente eu recorreria a um recurso mais eficaz, mais prolongado e que não leve fumaça para dentro da minha casa.

Deus abençoe você!


– Nos siga no Instagram
– Acompanhe também nossa Pagina no Facebook
– Se inscreva em nosso canal no Youtube
– Me acompanhe diariamente pelo Twitter

Leia também:

1. Exorcismo Magno é realizado no México

2. A grande dificuldade no processo de Libertação

3. O desafio de se esvaziar


Danilo Gesualdo, é membro da Comunidade Canção Nova e atua junto ao Ministério de Cura e Libertação, residindo em nossa sede em Cachoeira Paulista.
Para contato me envie um e-mail:
livresdetodomal@cancaonova.com

14 Comentários

  1. Já vi comentários de jovens que o usam para encobrir o cheiro de maconha dos pais .falecsobre isso..

  2. Eu uso incenso de com carvão que compro nas lojinhas de igreja, tenho até um insensario que comprei no Santuário da Nossa Senhora Aparecida e uso geralmente, qdo assisto as adorações do Santíssimo pelo Canção Nova. Será que tem problema qto a isso?

  3. Concordo plenamente com o seu comentário e opinião pessoal sobre o assunto. Em Março de 2008, a Gazeta Digital publicou uma matéria muito importante sobre esse tipo de uso inadequado do incenso (http://www.gazetadigital.com.br/conteudo/show/secao/18/materia/172109/t/fumaca-de-incenso-faz-mal-a-saude), onde a “fabricação de incensos atualmente, são usadas substâncias que podem causar vários tormentos às pessoas. O curioso é que, geralmente, ele é usado para purificar o ambiente e protegê-lo por quem acredita que isso possa acontecer”, diz a matéria. Diferentemente dos poucos minutos em que são utilizados os incensos nas celebrações litúrgicas. Obrigada pela matéria.

  4. Certos incensos queimados como você faz de animais podem estimular certas glândulas do cerebro. Proibição e o temor que as pessoas tem de quê a Sabedoria não caia em mãos erradas, mas se confiarmos em Deus sabemos que tudo está sobre controle.

  5. Muito boa a matéria, sempre soube disso e sempre que possível avisa quem eu conhecia e via comprando incenso em lugares exotérico. Incenso é incenso sim, mas assim como tem gente que faz trabalho e consagra ao demonio roupas, fotos, objetos e tantas outras coisas, tem gente que consagra ao mal o incenso também, bem como diz o texto acima. Então não compre em qualquer lugar. Uma vez em um retiro uma Irmã Da Copiosa redenção disse que até roupas que compramos devemos consagrar a Deus…Não creia que todos são bonzinhos e não fazem isso….

  6. Uso a bastante tempo, Mirra, em minhas orações a Deus como forma de gratidão, um presente, acompanhado de uma vela branca em um local limpo, sem mais outras simbologias, apenas eu, incenso, vela e Deus. Sempre tivo ótimos resultados! Incenso é incenso, independente de onde seja comprado. Uso o de lavanda para apenas tirar cheiros de ruins do ambiente. Incenso não espanta espíritos!, isso é mitologia. Apenas uma oferta a Deus único., Deus de Abrão, Davi.. conhecido pelo nome de Jeová. Trazendo para si proteção de seus anjos. Qualquer coisa fora disso é viagem de malucos.

  7. Incenso não espanta espirito nenhum. O que espanta espirito é o NOME DE JESUS, o que espanta demonio é o NOME DE JESUS, é a presença dele.

    INCENSO NÃO FAZ NADA. NAO TEM PODER NENHUM. Só serve pra perfurmar a casa, e cumprir uma tradição. O que tem poder é o nome de Jesus.

    Tenha-mos uma vida de Oração e Jejum, assim como Jesus nos ensinou e intimidade com Ele.

    SHALOM !

  8. Eu gosto muito de usar o incenso em minha casa, agora sei que devo compra-lo em lojas católica. É melhor ter certeza de onde vem.

  9. Deus me livre de usar icenso exoterico, uma pessoa conhecida usou ficou foi vendo demonios.

  10. Tambem penso assim. É melhor ter certeza de onde vem, principalmente ganhando de outras pessoas.

  11. Eu lembro que minha mãe encesava a casa no rouper de ano, eu nunca soube o porquer. Mas graças a Deus eu nunca fiz na minha casa.

  12. Gostaria de enviar p um amigo através de e-mail, como faço?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com