Hino das Laudes do Tempo Pascal:
 
 
Desdobra-se no céu
a rutilante aurora.
Alegre, exulta o mundo;
gemendo, o inferno chora.
 
Pois eis que o Rei, descido
à região da morte,
aqueles que o esperavam
conduz à nova sorte.
Por sob a pedra posto,
por guardas vigiado,
sepulta a própria morte
Jesus Ressuscitado.
 
Da região da morte
cesse o clamor ingente:
” Ressuscitou!” exclama
O Anjo refulgente.
 
Jesus perene Páscoa,
a todos alegrai-nos.
Nascidos para a vida,
da morte libertai-nos.
 
Louvor ao que da morte
ressuscitado vem,
ao Pai e ao Paráclito
eternamente. Amém.
 
 
Ao meu irmão Guido ( irmão Paulo ) …Primeiro domingo sem você:
Saudações aqui da terra. Ao iniciar minha Liturgia das Horas hoje senti uma alegria imensa em meu coração, lembrei-me da canção : Eu queria poder dizer, em palavras o que sinto agora…Quando colocamos palavras sobre o que sentimos muitas vezes vemos o que em Psicologia chamamos de perda de sentido, e eu não queria perder o sentido daquela profunda alegria que brotou do meu coração e com o coração ardendo rasbiquei estas palavras, para que você saiba que seu sangue não será em vão! Este hino representa o significado da sua Ressurreição que eu proclamo em nome de Jesus! E também declaro aqui a minha, embora ainda esteja vivo, morri neste fim de semana contigo. Jesus que pregamos nos dá autoridade de tomar posse desta palavra Atos 10 40-43. E também te homenagear com este salmo: Não morrerei , mas, ao contrário viverei para cantar as grandes obras do Senhor, Aleluia!!!! Também com a música que me veio ao coração…da última Jornada para Juventude em Sidney…RECEIVE THE POWER OF THE HOLY SPIRIT…
 
 
 
A Medicina do corpo e da alma nos chamou… assim fomos chamados por Jesus e capacitados: Paulo ( Guido) e Barnabé ( Nasser)…
    Viemos de realidades diferentes, eu médico,  casado com filhos, Guido médico mas no caminho do Sacerdócio. Fazíamos coisas iguais em ambientes diferentes. Conduzíamos grupos de oração, orávamos pelos doentes, tínhamos um vida de oração, conhecíamos pessoas em comum, éramos ligados à Canção Nova.
     Através de uma amiga em comum, nos encontramos a primeira vez em uma Missa na Santa Casa de Misericórdia celebrada pelo Cardeal. A partir deste dia nos tornamos Paulo e Barnabé…Seguíamos juntos os caminhos da fé e do apostolado, com os irmãos de rua de Madre Teresa  de Calcutá e da Toca de Assis. Com os grupos de oração da Canção Nova e outros tantos do Rio até o Ruah, na Igreja de Santa Margarida Maria. Quando a Missão era do Fogo íamos em profundo estado de oração…Vivíamos o Evangelho, Proclamávamos a Palavra, expulsávamos os demônios, curávamos os enfermos!!! Foram muitas missões, Retiros de Profissionais de Sáude, Terços meditados, Exercícios do Silêncio. Trabalhando pesado nos  Acampamentos na Canção Nova com Felipe Madre, Father john Baptist, Padre Manoel Sabino, Padre Jonas,  mas o mais radical e trabalhoso Padre Rufus Pereira…Guido tinha muita pressa com as almas, talvez já soubesse que seu tempo era muito curto…
Testemunhos aos montes,  conversões maravilhosas, vida austera de oração…Não dá para encarar as feras do mundo de mãos vazias. Carregávamos artilharia pesada através dos jejuns, penitências e muita mas muita oração…Aprendi a viver com a Liturgia das Horas, ter vida de Missa diária, Rosário de São Miguel, Ofício da Imaculada e o Santo Rosário e  recentemente o Terço da Misericórdia quando eu me adoeci, que por graça tem sido  uma benção que caiu do céu para mim e os meus….
    Fui provado na carne, Jesus me olhou enquanto o Guido intercedia, mas escolheu a ele. Jesus me disse: –  Eu o quero um pouco mais com as minhas ovelhas…Desde lá para cá estivemos nos falando bastante e em algumas missões, onde já não se via mais nada a não ser uma vida Cristificada exercendo milagres e prodígios…Quantos religiosos nós atendemos, até na Quinta Santa dia do Padre oramos por muitos na Catedral, e sempre eu precisando ir para outro lugar e o Irmão Paulo a me solicitar um pouco mais do meu tempo, e com alegria celebrávamos as maravilhas do Senhor…
Ao entrar na Missa do Padre Geovane na Maré, celebrando seu aniversário sacerdotal, me deparei com a notícia de que o Guido havia ido para Jesus!!! Arrebatado, do jeito que ele pediu: No mar! Como Elias, sendo arrebatado em carroagens de fogo ao céu…Só  me deu tempo de gritar como Eliseu: Me jogue a sua Túnica de Poder…a dose maior do Espírito Santo de Deus para que eu seja ainda mais um servo do Pai…E ao entrar na Missa na Maré, que o nosso atual Arcebispo Dom ORIANE celebrou , via o Guido a me dizer: Barnabé toca mais, toque com Poder, precisamos elevar todas estas almas para Jesus…e foi assim que o homenagiei, fazendo o que mais ele gostava de fazer comigo, evangelizar e curar os enfermos…Ser Jesus para suas ovelhas…o Bom Pastor!
Fui ao Lourenço Jorge e vi o corpo mas antes vi sua alma subindo ao Céu!!!
Em toda a Missa de Corpo Presente não estava ali, mas com Ele junto ao trono do Pai, ouvindo suas instruções…e esta noite não dormi um só segundo pois o Guido não parava de falar o que Jesus quer realizar pela sua morte junto aos seus queridos…Escrevo estas linhas em homenagem ao meu irmão menor em idade mas maior em Sabedoria, ao médico de homens e de almas que para sempre será o meu Irmão Paulo, e certamente não sou mais eu que escrevo e sim os anjos pois após conhecer o Guido eu não viveria mais sem ver o Céu aqui na Terra e seus Anjos e nossa Mãe Puríssima a nos conduzir ao Filho Jesus de Nazaré!!!!  E o Guido também era de sua mãe Nazareth!!! seu sobrenome quer dizer Pastor, e para mim e a vocês todos jamais sejam os mesmos desde este dia, pois o Guido nos ensinou a Amar a Deus sobre todas as coisas, e Amar os menores como aos mais queridos…O Evangelho de Jesus Cristo vivenciado no meio deste mundo perto de seu fim!!!!
 
A minha mensagem para você Guido é : O que vamos fazer juntos hoje??? Amo você meu irmão pois descobri que com sua ida ao Céu o Céu ficou mais perto de mim!!!Aleluiaaa…..Colosssenses 3 é a sua cara!
 
 Do seu Irmão Barnabé ( o filho da misericórdia )