Nós estamos em uma batalha, contudo nosso primeiro INIMIGO está mais próximo do que nós poderíamos imaginar. A fim de ganhar a verdadeira liberdade e conseguirmos a vitória, nós precisamos conhecer esse inimigo para dizer NÃO a ele, renunciá-lo.

                       

            Dando sequencia a nossa série de formações sobre estar atrás das linha inimigas, hoje falaremos sobre onde realmente está o nosso pior inimigo. Desde que fomos crianças e adolescentes quantas vezes fomos levados a fazer coisas que temos vergonha hoje, até fazemos algumas piadas, mas na verdade, no fundo do nosso coração, hoje sabemos que o que fizemos era muito errado. Essas pessoas tiveram tanto poder sobre nós para nos levar a esses enganos. Certa vez um amigo levou outro que não enxergava direito, mas confiava nele, a pular de uma altura de 5 metros sem saber e quase o pior aconteceu. Outra coisa comum é passar uma garota e ouvirmos coisas sobre alguém que não era verdade, mas que nos fizeram imaginar. Como isso nos faz entrar em situações, em certos tipos de problemas que até hoje vão repercutir em nossas vidas. Quem então é esse inimigo? Esse Inimigo esteve ao nosso lado durante todo esse tempo. Eu tenho uma notícia para você, ele não é seu pior inimigo!

            O Inimigo não é externo. Os Espartanos nunca perguntavam onde quantos eram seus inimigos, mas ONDE ELES ESTAVAM! Dizendo isso eles completavam, pois é lá que nós iremos! Venham comigo!

            As Escrituras nos ensinam que todos nós teremos três INIMIGOS a combater seguindo a Jesus: – O demônio, o mundo e a carne, ou seja nós mesmos! Todos nós fomos feitos para sermos bons, mas somos decaídos, todos herdamos o pecado original. Somos o nosso pior Inimigo! Inimigo não é distante. Inimigo vem da Palavra LATINA ( não amigo). Não precisa ser alguém nos atacando, nos odiando, nos destruindo, mas simplesmente alguém perto que não é nosso amigo, ou melhor que não nos ajuda a cumprirmos nossa missão, que não nos ajuda. Que facilmente nos trai!

            São Paulo aos Filipenses vai  dizer que todos os cristãos em batalha,  alguma coisa acontece causada pelos inimigos da Cruz de Cristo. São Paulo vai dizer que tenhamos cuidado com os Inimigos da Cruz de Cristo. Ele segue dizendo que o deus deles é a barriga. Isto quer dizer que eles decidem pelo Conforto do que pela Cruz.

            Pense na sua vida agora, o mais importante é batalha ou conforto? O que eu estou fazendo da minha vida são coisas somente do mundo, então estou sempre Distraído, distraído da minha missão. Mente ocupada de coisas inúteis, tudo que tem o fim em si mesmo.  São Paulo em Romanos 7 diz que o que ele faz ele não entende. Ele não faz o que ele quer mas faz o que ele odeia, porque o pecado atua nele. Ele faz o mal que não quer fazer e não faz o bem que ele tem consciência que deveria fazer.  Todo cristão sabe o que é verdade. Uma das coisas mais importantes na vida do cristão e não confiar em si mesmo e sim em Deus, 100%. O porquê disso é que muitas vezes eu não sou meu amigo, eu me torno meu inimigo. São Felipe Neri, São Padre Pio em suas orações nos ensinaram pelas orações deles a dizer: – Bem sabeis quão facilmente eu te abandono, Senhor, eu te traio Senhor, Fica comigo Senhor!

            Então vem a pergunta: – O que eu faço com um mal amigo que eu não consigo me livrar dele? O que eu faço? Ele está em mim o tempo todo! Por isso eu preciso conhecer meu pior inimigo, ou seja, a mim mesmo! E a segunda coisa é aprender a dizer Não a ele, ou seja a mim mesmo. Daí vem o renuncie a si mesmo!

            Precisamos aprender a expandir o nosso conhecimento interior. A quaresma  nos ajuda a criar mais espaço em nós através do jejum e da penitência. Por isso é tão importante combater a distração. Eu gostaria de sugerir a todos nessa Quaresma que pudessem fazer duas coisas: – Primeira: Jejum alimentar, Segunda : Jejum de Distrações (Mídia social).  Com isso aumenta o espaço em sua vida e daí se inicia o grande processo do combate as distrações, não somente para ouvir a voz de Deus mas a voz de si mesmo.  A oração em silêncio, aumenta profundamente nosso espaço. Como é profícuo orar e combater pensamentos não amigáveis, pensamentos inúteis, distrações desnecessárias, preocupações com o que nunca vai acontecer! Eu preciso aprender a ficar em silêncio comigo mesmo!

            Qual são os meus obstáculos para viver uma verdadeira vida cristã? Quanto maior os planos de Deus em nós maiores os obstáculos. É fácil se sentir intimidado pelo Inimigo que vive em nós. É fácil ficar deprimido, desencorajado, ficar triste e ter pena de si mesmo.

            Para ilustrar como devemos ter perseverança e estratégia, trago o exemplo de Tommy Caldwell e seu desafio de escalar ( El Capitain’s  Dawn Wall) que fica na Califórnia. Tom criou em seu próprio quintal simuladores para um determinado local da escalada, impossível para todos que tentaram.  Tom não é alpinista qualquer, ele é  o Alpinista (mão livre), um exemplo ao mundo sobre superação de algo impossível, pois existe um espaço intransponível, e ele descobriu um certo atalho que na verdade o fazia ter de descer naquele paredão para tomar a subida novamente e conseguiu.

            Tome como esse exemplo e tome a decisão de lutar continuamente sem desistir. Nunca tenha pena de si mesmo. Você somente irá conseguir se lutar até o fim. Nossa fraqueza nos leva a Deus. Tenha paciência consigo mesmo, perdoe a si mesmo, mas nunca tenha pena de si mesmo.

            São Paulo em 2Cor 12 diz que tinha uma ferida que o fazia cair, e o que fazer? Então Jesus responde: – Minha graça te basta. Meu poder é perfeito para sua fraqueza. Não perca um minuto tendo pena de você mesmo.

            Conheça a si mesmo, diga não a si mesmo , mas não sem estratégia. Lembre dessa escalada com o objetivo de chegar até o topo. Isso não será em vão, acredite em Cristo , creia que Ele te fará achar um atalho que te levará  a ultrapassar o que para muitos era impossível. Mas não sem sua luta, não sem sua capacidade de se expor a Deus e clamar, vem em socorro da minha fraqueza, da minha incapacidade, pois em Ti encontro minha Força e a Vitória. Pois vencerei minha tendência de buscar o conforto ao invés da Cruz.

            Eu preciso conhecer e dominar a mim mesmo, e tomar a decisão de aumentar o espaço dentro de mim, e ter coragem para permanecer nesse espaço. Essa semana, nós ouvimos Abrão sendo chamado e aterrorizado por ter que ficar naquele lugar. Contudo Abrão ficou lá! Significa, ele confiou no Senhor, teve coragem de permanecer!

            Quanto mais nós nos conhecemos menos temos confiança em nós.  Mas o bom Cristão tem confiança em Jesus 100%.

            Esse série nos ensina a escalar, a superar nossos medos, mesmo atrás das linhas inimigas, sabendo do Porquê estamos lutando! Lutamos pelas promessas de Cristo Jesus. Por isso estamos aqui. A liberdade da vida Eterna!

           

           

            Oremos: Abbá (Pai) Amado, eu necessito me conhecer cada vez mais e nessa Quaresma é o tempo favorável. Sim eu preciso assumir em mim que ao me conhecer eu confio cada vez menos em mim e mais no Senhor! Pois do Senhor vem toda a minha fortaleza e salvação. Do Senhor me vem toda a estratégia para achar os caminhos mesmos os mais desafiadores! Eu confio pois é o Senhor que sustenta todas as coisas. Que Ele cresça e que eu diminua no Senhor Jesus.  

Pai em tuas mãos entrego meu coração! Cura-me Senhor, Restaura-me Senhor!  Amém