Há trinta anos a Comunidade Canção Nova passava um momento muito doloroso que foi a perda da Isabel Cortês, que era membro do núcleo e faleceu doando a vida em missão.

“o Senhor inspirou no coração do Pe. Jonas o desejo de lutar pela santidade”

Na ocasião, no dia 22 de junho de 1991, na Missa de corpo presente que precedeu o sepultamento o Senhor inspirou no coração do Pe. Jonas o desejo de lutar pela santidade. Então, ele fez o apelo aos membros da comunidade: “Ou Santos Ou Nada”. Foi um tempo forte de cada um refletir sobre suas vidas e retomar o empenho pessoal e comunitário de santidade.

Buscar a santidade parece algo impossível, mas quando permitimos que o Espírito Santo aja em nós a graça do Senhor acontece. Ele mesmo nos chama a ser santos em vários trechos da Sagrada Escritura: “Sede santos, pois eu sou santo” (1Pedro 1, 15-16); “Portanto santificai-vos, e sede santos, pois eu sou o Senhor seu Deus” ( Levítico 20, 7). Cabe a nós como filhos assumir essa atitude de amor.

Esse esforço se dá no nosso dia a dia no modo como lutamos para viver os princípios que o próprio Jesus nos ensina nos Evangelhos: viver o amor em todas as coisas. O amor a Deus e o amor ao nosso próximo.

Não é fácil, mas com a graça de Deus e empenho pessoal é possível! Para isso é preciso ter em mente que ninguém é perfeito, mas podemos ser formados por Deus à medida que o conhecemos, paramos para ouvi-lo e somos fiéis a sua vontade.


E como ser santo? Pe. Jonas ensina a lutar pela nossa santidade através da vida de oração, nosso relacionamento com Deus que consequentemente vai transbordar no relacionamento com o próximo. 

Podemos conhecê-lo através do Estudo e Meditação diário da Palavra, participando da Santa Missa e recebendo a Sagrada Eucaristia todos os dias, estando junto a outras pessoas que também buscam a santidade em oração, partilhando a vida, alimentando um relacionamento com a Virgem Maria na oração do Santo Terço, fazendo momentos de Adoração ao Santíssimo Sacramento, praticando o jejum, não se deixando escravizar por coisas terrenas e buscando o sacramento da confissão.

Aos poucos essa intimidade nos leva a reconhecer que somos pertença de Deus e olharmos com amor para o próximo que também é filho de Deus. É deixar que Deus, pela ação do seu Santo Espírito, nos configure a Ele em santidade. 

Temos uma decisão a tomar: ou renovamos todos os dias os sentimentos da nossa alma e assumimos  o “Ou Santos ou Nada”, ou então nos deixaremos corromper pelas coisas desse mundo e perdemos a vida eterna. A DECISÃO É PESSOAL!

Fonte: Arquivo Pessoal

Há um gosto todo especial em saborear um doce, pudim ou bolo preparado pela nossa mãe, receitas simples, outras mais requintadas. Quantos de nós, que só de recordar, sentimos o cheiro dos doces que ela preparava com tanto carinho. E as horas que ela passava em frente o fogão, vigiando o fogo, o forno? Isso é amor, zelo, cuidado e alegra o nosso coração.

Falando em doces, histórias e memórias, podemos partilhar um pouco com vocês sobre os Doces da Casa de Maria.

Alguns já nos perguntaram: “Onde fica esta casa?” “Maria é a doceira?” 

Fonte: Arquivo Pessoal

Pois bem…Maria é a Mãe de Jesus e a nossa também. É a Mestra de toda a Canção Nova. Ela nos ensina, com a sua doçura e simplicidade, acolhermos a Vontade de Seu Filho Jesus, para a nossa vida, vocação e realização da missão.

A Canção Nova vive da Providência, e foi uma grande inspiração de Deus, pelas mãos de Nossa Senhora, que a Casa de Maria, em Queluz iniciou com a venda dos doces, e cremos que esta iniciativa foi resposta para que a manutenção da própria casa acontecesse. Casa de mãe, lembra doces, e doces representam pequenos gestos de amor.

A princípio a Casa de Maria era uma casa de retiro, depois os primeiros membros, juntamente com o fundador Padre Jonas Abib vieram morar dando início à Comunidade Canção Nova, anos mais tarde, passou a ser casa de formação para os membros em averiguação da sua vocação (discipulado).

Não produzimos os doces aqui, pois a rotina dos discípulos é bastante exigente e requer um período intenso de formação, e outras atividades nas quais são inseridos que demandam tempo, por isso adquirimos os doces de forma terceirizada. 

A inspiração inicial de vender os doces foi mantida na casa e ao longo desses anos todos (1995 à 2021), tivemos algumas mudanças e adaptações, por exemplo: pessoas que forneciam os doces, reforma do quiosque, e hoje, devido a realidade da pandemia, não vendemos mais à quilo, e ao invés do próprio cliente se servir, deixamos tudo embaladinho numa bandeja de isopor, para garantir maior segurança e proteção. Há uma diversidade de doces que aguçam o nosso paladar, como: doce de leite, cocada branca, preta, de maracujá, doce de abóbora, doce de banana, batata doce, bala de coco, dentre outros.

Fonte: Arquivo Pessoal

Quando vendemos os doces durante um encontro, acampamento, ou após as missas em Cachoeira Paulista, percebemos que se aproximam de nós pessoas que querem partilhar, serem ouvidas, evangelizadas, e muitas vezes não fazem ideia de quanto nos evangelizam! 

Tudo isso fortalece a nossa formação pessoal e missionária. Os fatos vão nos ensinando que os sabores tem uma história, um valor afetivo, doces lembranças. Sentir que o doce alegra a criança, o jovem, o pai, a mãe, bem como promove momentos de convivência entre a família, ocasiões para partilhar, sorrir, trazer leveza diante de tantas situações difíceis do dia a dia. 

“É na cozinha que estreitamos nossos laços de amizade, de familiaridade”

Fonte: Arquivo Pessoal

Cozinhar é uma arte, um ato de amor. Quisera que as famílias se encontrassem mais na cozinha e investissem mais tempo ao redor da mesa. É na cozinha que estreitamos nossos laços de amizade, de familiaridade. Aprendemos a “medida certa” para cada ingrediente, e deixamos que os excessos sejam retirados. Sabe aquele bolo que a borda cresce demais e derrama no forno? Dessa maneira precisa acontecer em nossa vida, buscar verificar o que está de mais que precisa ser retirado, ou está de menos que precisa ser acrescentado. Às vezes a temperatura do forno está muito quente para determinado alimento, outras vezes precisamos investir em fôrmas mais altas, e outras até, necessitamos reduzir o fermento.

Fonte: Arquivo Pessoal

Em tudo isso Deus nos fala, nos ensina, nos forma e não podemos deixar de ter um coração grato e desperdiçar cada minuto de nossas vidas sem contar com a intercessão da nossa Mãe, a Virgem Maria. Que ela nos ensine com a sua doçura e simplicidade a fazermos sempre e em tudo a Vontade de Deus.

Mostrando um pouco mais sobre a história dos Doces da Casa de Maria,  queremos incentivá-los a desfrutarem as oportunidades de estarem em família, e claro, a continuarem nos ajudando na manutenção de nossa casa, adquirindo nossos docinhos tão deliciosos!

Hummmm deu até vontade de degustar um docinho delicioso não é mesmo? E onde é que a gente encontra esses docinhos pra comprar? Atualmente devido a situação da pandemia, estamos em nossa barraquinha em todos os eventos da Canção Nova na Chácara de Santa Cruz próximo ao Santuário do Pai das Misericórdias onde estão acontecendo os eventos.

A Canção Nova Queluz, casa de formação inicial, lança a ação: Doe e Ganhe Deus Imenso.

Imagem Ilustrativa

Criamos o nosso primeiro projeto “Doe e Ganhe – Deus Imenso”. Para participar você pode doar a partir de 35,00 reais (não há limite máximo para a doação) e receberá (1) uma camiseta, (para cada depósito 1 camiseta, independente do valor).

IMPORTANTE você saber que, como estamos fazendo isso em vista das necessidades da nossa casa não temos como pagar o frete, mas estamos buscando o menor frete possível, então o FRETE É POR SUA CONTA! Ok?

Como participar?

Você enviará uma mensagem para este contato do WhatsApp (12) 996713473  ou clique aqui dizendo: “Quero Doar e Ganhar a minha camiseta.” Só isso!
Nós enviaremos um formulário para que você preencha com os seus dados e endereço e o valor da sua doação, assim podemos calcular o frete e você fará 1 depósito ou transferência com o valor da doação mais o frete. Tudo bem até aqui? E nós enviaremos o seu presente!

ATENÇÃO: Caso você queira mais de uma camiseta você precisa nos dizer no seu contato, e para cada camiseta 1 depósito diferente ok?!

*Modelos: Temos Camisetas masculinas e femininas.

*Validade da ação: 23 de maio de 2021.

*Se você mora perto da Canção Nova Queluz, ( Localização Google ), poderá retirar a camiseta no local.

Deus lhe pague! Deus Abençoe!

***

Siga a Canção Nova no Instagram

Siga a Canção Nova no Facebook

Das Homilias sobre os Evangelhos, de São Gregório Magno, papa  (Hom. 34,8-9:PL76,1250-1251)             (Séc.VI)

arcanjosA palavra anjo indica o ofício, não a natureza

É preciso saber que a palavra anjo indica o ofício, não a natureza. Pois estes santos espíritos da pátria celeste são sempre espíritos, mas nem sempre podem ser chamados anjos, porque somente são anjos quando por eles é feito algum anúncio. Aqueles que anunciam fatos menores são ditos anjos; os que levam as maiores notícias, arcanjos.

Foi por isto que à Virgem Maria não foi enviado um anjo qualquer, mas o arcanjo Gabriel; para esta missão, era justo que viesse o máximo anjo para anunciar a máxima notícia.

Por este motivo também a eles são dados nomes especiais para designar, pelo vocábulo, seu poder na ação. Naquela santa Cidade, onde há plenitude da ciência pela visão do Deus onipotente, não precisam de nomes próprios para se distinguirem uns dos outros. Mas quando vêm até nós para cumprir uma missão, trazem também entre nós um nome derivado desta missão. Assim Miguel significa: “Quem como Deus?”; Gabriel, “Força de Deus”; e Rafael, “Deus cura”. More »

Tre Fontane – Roma 1947

virgem-da-revelac3a7c3a3oNo sábado depois da Páscoa, 12 de abril de 1947, o condutor de bonde Bruno Cornacchiola, de 34 anos, achava-se livre de serviço depois do meio-dia e queria aproveitar aquela linda tarde de primavera para fazer uma excursão a Ostia com seus três filhos, mas como perderam o trem, resolveram ir até Tre Fontane. Bruno conhecia muito bem o lugar com seu bosque de eucaliptos, silencioso e tranquilo, longe do ruído da grande cidade de Roma.

Bruno havia lutado na Espanha, como legionário, a favor dos comunistas, e fazia cinco anos que abandonara a religião católica seguindo primeiro a doutrina dos batistas e depois a dos adventistas.

Era fervoroso propagandista de sua crença, e lia com assiduidade a Bíblia protestante, à procura de textos que pudesse utilizar em ataques contra a Igreja Católica.

Naquele fim de semana, Bruno se entretinha, em Tre Fontane, em formular ideias para uma conferência contra a virgindade da Santíssima Virgem.

Lia, apontando no papel os pensamentos para a conferência que devia ser lida no dia seguinte, enquanto seus filhos continuavam a brincar de futebol com uma bolinha de borracha, à sombra do bosque de eucaliptos.  Súbito, o seu trabalho é interrompido: Isola, de 10 anos, e Carlos, de 7, gritam: More »

“Por esta causa dobro os joelhos em presença do Pai, ao qual deve a sua existência toda família no céu e na terra, para que vos conceda, segundo seu glorioso tesouro, que sejais poderosamente robustecidos pelo seu Espírito em vista do crescimento do vosso homem interior. Que Cristo habite pela fé em vossos corações, arraigados e consolidados na caridade, a fim de que possais, com todos os cristãos, compreender qual seja a largura, o comprimento, a altura e a profundidade, isto é, conhecer a caridade de Cristo, que desafia todo o conhecimento, e sejais cheios de toda a plenitude de Deus. Àquele que, pela virtude que opera em nós, pode fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou entendemos, a ele seja dada glória na Igreja, e em Cristo Jesus, por todas as gerações de eternidade. Amém.”(Efésios 3,14-21)

sao-pauloEsta Oração de São Paulo e rica e densa de significado. Podemos perceber neste texto que São Paulo utiliza de um esquema trinitário, sem usar o termo técnico Filho: o pai (vv14.19), seu Espírito (v 16), Cristo (vv. 17.19.). O Espírito é o novo dinamismo interior; a fé nos abre e transforma em morada estável de Cristo, o amor nos dá raiz e alicerce, de onde brota uma nova capacidade de conhecer e compreender o mistério.

A Vida de Oração é muito importante para o consagrado assim como podemos perceber no hino recitado em Ef 3,14s. Pois quando vamos ao encontro do Senhor por meio da oração o seu Espírito vem em nosso auxilio, nos preenchendo com a sua graça, com seu poder. “O Espirito Santo é o mestre interior. Gerando em nós o homem interior. More »

Confira na integra a Homilia da Missa de Encerramento – Deus Imenso 2016, com Pe. Arlon Cristian Costa

Acompanhe Ao Vivo a Missa de encerramento do “Deus Imenso 2016”.
Início: 18:30h com Adoração, logo após, Santa Missa de Encerramento.
Local: Canção Nova Queluz – Casa de Maria (Av. José Messias de Paula França, 67 – São Geraldo – Queluz/SP)


Live streaming video by Ustream

 

Convite Deus Imenso

Queremos convidá-los para a Missa de encerramento do “Deus Imenso 2016”. Nestes 50 dias de Páscoa vivemos o tempo forte de adoração ao Santíssimo Sacramento. Foi um tempo forte de adoração, oração e intercessão. Iniciamos estes 50 dias de adoração a Deus Imenso na segunda-feira de Páscoa, dia 28 de Março, e iremos encerrar na segunda-feira, depois de Pentecostes, dia 16 de maio.

Dia: 16 de maio
Início: 18:30h com Adoração, logo após, Santa Missa de Encerramento.
Local: Canção Nova Queluz – Casa de Maria (Av. José Messias de Paula França, 67 – São Geraldo – Queluz/SP)

Contamos com sua presença.
Para maiores informações fale conosco:
Tel: 012 3147 2208
deusimenso@cancaonova.com
facebook.com/cnqueluz

No dia 28 de março de 2016 demos início ao “Deus Imenso”, tempo forte de 50 dias de adoração rumo à Pentecostes. Esse ano somos motivados pela palavra: “Esta consiste em conhecer a Cristo, experimentar a força da sua ressurreição” (Fl 3,10). Pois, necessitamos da Adoração como ato de intimidade para conhecer essa força, como maneira especifica de oração, como tempo de contemplação com Jesus, para que possamos viver e “conhecer a Cristo”, e para que o Senhor escute nosso clamor cure as feridas da nossa gente e nos dê um novo tempo, uma nova vida, uma nova experiência, afinal é o que importa: experimentar Deus na totalidade da vida…
Confira o video da homilia da Missa de Abertura do Deus Imenso 2016, com Pe. Aluízio Ricardo Aleixo de Sousa, CN: