Maria em minha vocação!

Com Maria minha vida com Deus caminha segura, testemunha missionária.

Na Canção Nova ouvimos nosso pai fundador nos dizer que Maria é quem tudo faz. Com isto aprendi que como mãe atenta, Maria se antecipa diante das necessidades e perigos para nos guardar e ajudar para que não nos desviemos do caminho certo. Assim como a Igreja nos ensina que ela é co-redentora, que ela cooperou em tudo para a obra da salvação da humanidade, também na Canção Nova podemos dizer que Maria cooperou e coopera para que o nosso carisma cumpra sua missão na grande obra de evangelização da Igreja.

Descendo um pouco e indo para a minha história de vocação, posso testemunhar que Maria foi discretamente me ajudando a discernir e assumir a vocação que Deus havia me dado desde todo o sempre.

A Canção Nova é a Casa de Maria, somos uma comunidade mariana, a presença dela é real e se pode sentir. A cada dia consagro-me a ela em tudo: na vivência da missão, do trabalho santificado, nos desafios do ser profissional de Deus, na vida interior, no caminho rumo ao céu. Ela é minha mãe espiritual, sabe tudo de mim. Como ensina Padre Jonas, podemos sem medo falar tudo de nós a Maria, sem medo de sermos incompreendidos, podemos falar dos sonhos, dos desafios, dos medos, inclusive podemos falar dos pecados e erros. Maria nos acolhe e intercede por nós junto a Jesus. Com Maria sigo confiante de que com ela é mais seguro chegar ao céu, com ela é certo de que cumprirei tudo o que Jesus me mandar fazer.

Arquivo Pessoal: Flaviana Gomes

Maria nos conduz a Jesus

Dando um passo a mais, posso testemunhar que Maria foi quem me conduziu a Jesus, e me ajudou  me manter firme n’Ele neste caminho de conversão diária.

Desde minha adolescência passei a rezar o terço diariamente e fui percebendo que com esta devoção, eu ia me fortalecendo e vencendo os limites, os pecados e até mesmo a preguiça que muitas vezes me rondava de impedir que eu me doasse mais a Deus, à Igreja, à minha família. Interessante que em minha família existem vários protestantes de diferentes denominações e por causa disto e das inúmeras críticas que fazem à Igreja Católica, à devoção a Maria, eu fui deixando com que meu coração se enchesse de dúvidas e na dúvida, no medo de ofender a Deus eu decidi parar de rezar o terço.

Foram uns dois meses assim e logo percebi que ao deixar de rezar o terço, de cultivar esta devoção mariana, também fui deixando de lado a caminhada com Deus, já não tinha o mesmo ânimo, a mesma perseverança. Percebi então que sem Maria não conseguiria ser fiel ao Senhor. Voltei a rezar o terço e com esta poderosa oração, a força de Deus veio em meu auxílio.

Com Maria ser atento à voz de Deus

Com Maria minha vida com Deus caminha segura. Com Maria minha vida de Igreja e de Canção Nova também segue firme e feliz. E neste relacionamento com a mãe de Jesus, ela foi trabalhando em mim o ser atenta à voz de Deus, foi trabalhando e continua trabalhando o meu ser mulher de Deus, o ser missionária, o ser toda de Deus. Com Maria é mais seguro! Com Maria a vitória é certa.

Peço à Virgem que revista a mim e a você com toda a fé, a ternura e a humildade que só ela tem. Que Maria nos ensine a obedecer a Deus em tudo, a nos fazer servos do Senhor.

E como se dá este relacionamento, você pode se perguntar? É simples! O que precisamos é ter disposição e dar prioridade. Em nosso íntimo ir conversando com Maria, como se estivesse um amigo do nosso lado. Falando de nós, do nosso dia, das nossas preocupações, dos nossos sonhos, mas também das dificuldades, dos pecados, até mesmo daqueles sentimentos ruins que às vezes invadem nosso coração. Entregar tudo a ela. Ela sabe o que fazer com todo este material que entregamos a ela em nossa conversa, partilha.

Experimente e verás que as mudanças acontecerão em seu interior, perceberás que irás crescendo como pessoa em sua humanidade mas também em sua vida espiritual com muito maior rapidez do que se caminhasse sozinho.

Relacionar-se com Maria é tê-la como mãe e mestra e permitir-se ser conduzido por um caminho seguro até Jesus.

Nossa Senhora, rogais por nós!.

 

Flaviana Gomes

Comunidade Canção Nova