É fundamental para darmos o último passo na direção do que vem a seguir, sabermos que uma coisa é você ter confiança em uma pessoa que tem poder e conhecimento, outra tipo de confiança que é necessária quando uma pessoa está sem respostas e sem poder. Este último tipo de confiança é ter Fé em Deus! Em Deus onde devemos colocar tudo o que temos e o que não temos ao Senhorio do Senhor o Todo Poderoso! O poderoso que domina o Universo! Neste tempo de transição, quando nós temos que ir,  não podemos ficar. Muitas vezes na nossa vida, mesmo que nós desejemos ficar, não podemos, temos que ir. Seja neste tempo de final de semestre, de graduação para alguns ou mesmo TRANSFERÊNCIA. Nós temos que nos lançar.

         O que acontece quando nós temos que ir mas temos vontade de ficar? É possível acontecer as duas coisas? Ter que ir mas ser capaz de ficar? A realidade é que nós humanos, quando temos que ir em situações como essas, desejamos ficar.

         Continuando nossa meditação sobre o Próximo Passo, o que vem a seguir, meditamos na semana passada sobre coragem, quando as coisas fogem do nosso controle, precisamos de coragem. Coragem é fazer o que tem que ser feito no momento que é mais necessário. No dia de hoje estou refletindo especialmente sobre alguém que vai receber o Sacramento do Matrimônio. Como é necessário estar convencido de que este é o caminho. Quando o assunto é casamento, não basta apenas estar convencido, eu preciso pegar tudo aquilo que eu sei e colocar em ação, e muito mais, tem que  Ter Coragem para as batalhas de um futuro a dois. Então necessitamos para o que vem a seguir é ser convencido, estar convicto e ter Coragem e algo a mais que vamos falar hoje.

         Em 1999 na revista American Medical Association sobre pessoas que estavam para morrer, e perguntaram a eles qual era a coisa mais valiosa naquele momento? – O  resultado foi: Eles disseram em sua maioria, que o mais valioso é que eles perdiam o senso de Estar no Controle das coisas. Mesmo para quem estava indo rápido ou não para  morte, os pedaços das coisas onde o controle era a tônica, eles iam perdendo. Quando você tem que ir e perde o senso do controle, aí que entra poderosamente o que nos sustenta quando perdemos o controle. Na trincheira não existem ateus. O que sustenta os que perdem o controle é a fé. São João diz que em todos os atos que antes aterrorizavam os apóstolos, após o Pentecostes, todos tinham confiança num Deus vivo que se faz um de nós, e nos ergue quando estamos para cair. Por isso a palavra CONFIANÇA hoje é uma das nossas pérolas a meditar. Quando o assunto é encarar estes desafios entre a vida e a morte, confiança naquele que venceu a morte é tudo!

         Como você pode ter respostas quando você está sem poder e sem respostas, e tem  que encarar o que vem a seguir. Um dos grandes exemplos nisso, é Padre Sorelo Filipino, que foi preso pelos Jihadistas. Após descobrirem que ele era Padre, resolveram mantê-lo  vivo, para ser moeda de troca, pois todos os seus amigos presos no mesmo veiculo, foram brutalmente assassinados. Padre Sorelo Nacorda era ameaçado todos os dias durante longos dias. Um dia, em suas preces, se colocou de joelho e começou a orar com poder, clamando por Jesus vir ao seu socorro. Após alguns minutos ele viu a imagem luminosa entrar em sua sela e um rosto mais perfeito que ele já havia visto se adiantou naquele lugar. Jesus não disse nada, mas a partir daquele dia todas as noites sabendo que poderia ser enforcado ou cortado a cabeça no dia seguinte, Padre Sorelo dormia como uma criança. Por que! Porque tinha confiança  e muito mais, irradiava a luz de Cristo aos seus algozes. Ele não foi morto, e foram mais dois meses de prisão e torturas. Esse sacerdote  não tinha nenhum poder e nenhuma resposta, mas o que Ele tinha? Vamos descobrir  tempos depois, quando foi liberado, em sua primeira entrevista ele disse: Fé é a resposta,  eu tenho confiança em Jesus Cristo. Confiança em latim quer dizer Confidentia( Com Fé). Eu vivo com fé em alguém maior.

         Pedro e João, como lemos recentemente, passavam pelo Templo e um paralítico cruza o caminho deles, eles rogam ao Senhor e o paralítico fica curado. Pedro então se antecipa e diz: Homens de Jerusalém não fazemos isso por nossos próprios poderes mas pelo Poder do Nome de Jesus, Aquele que vocês mataram, mas Ressuscitou! Amados nós temos Confiança em Deus! Quando eu estou sem sabedoria eu recorro ao Senhor! Jesus está dizendo naquele momento e hoje para mim e para todos, Ide e permaneça! Ide e Permaneça Comigo, pois sem Mim nada podeis fazer!

         Eu vou mas eu não vou sozinho, eu Vou Com Ele! Eu confio em Deus e isso me basta. Jesus está dizendo hoje para mim e para você, Sem Mim nada podeis fazer, NADA!

         Yoyo Ma um dos grandes violoncelistas da história moderna, um dia declarou que para ele a música era um contínuo. Quando ele parava de tocar a música desaparecia. Assim é Deus, ativamente tocando a sua criação. Sem Deus nada existe e nada persiste. Quando Jesus diz sem Mim nada podeis fazer Ele diz hoje que nós somos a Sua música que ele toca sem cessar.

         Muitas pessoas tem aquela rebeldia de tentar fazer as coisas sozinhas e o que acontece nesses casos é que a pessoa quando falha, se culpa , entra na autocondenação. E vamos entrando no ciclo de rebeldia e autocondenação. Como quebrar esse ciclo?  Fazendo uma palavra: RENDA-SE. Renda-se a sua vida a Cristo, como Padre Sorelo. Redenção não é desistência, mas um ato onde você entrega sua vida em Cristo. Jesus eu quero render minha vida, quero me abandonar em ti, colocando meu trabalho, meu relacionamento afetivo, minhas perdas agora, meus lutos, meu desesperos, minhas doenças, minhas fraquezas. Todas as coisas da nossa vida de Cristão devem ser prostradas aos pés do Senhor. Especialmente aquelas situações onde nós cometemos erros sérios e vêm as consequências desses atos a nos atormentar, pois perdemos o controle sobres essas consequências. Isso porque as pessoas estão exaustas, e porque nos momentos de não ter poder e não ter respostas tentam se enganar buscando em si as respostas. Muitas vezes nós até conseguimos no início a arrumar uma forma de lidar com alguma situação, mas as outras vão crescendo e tendo muitos tentáculos que me envolvem e me destroem. Ao colocarmos tudo isso aos pés do Senhor, pois Ele nos convidou e nos convida a fazermos desta forma,  o que vem a seguir, nos convida  a buscarmos a partir de hoje algo muito mais sábio para nossas vidas. Irmos mas não irmos sozinhos! O que dizemos não é que não queremos ir, mas não queremos ir sozinhos! Nós precisamos ir, mas ir COM Ele!

    Oremos: Abbá (Pai) Amado, em tuas mãos entrego minha vida, meus projetos, minha falta de Confiança, me falta de coragem, minha falta de convicção, minha falta de convencimento. Sim Senhor ao final desta série eu preciso ser uma nova pessoa, um novo homem, uma nova  mulher, um novo discípulo, como Pedro, diante do Sinédrio, tudo igual a antes, mas o Poder de Deus estava sobre ele, por isso ele tinha coragem , porque ele sabia em Quem Ele Confiava. Eu sei em quem posso confiar, pois o Senhor dos Exércitos batalha em meu favor. Por isso eu me convenço Senhor que a partir de hoje Eu vou, mas eu vou Contigo! Pois indo Contigo, cada manhã é nova! Amém!

Pai em tuas mãos entrego meu coração! Cura-me Senhor, Liberta-me, Restaura-me Senhor!  Amém

Glória a ti Senhor nos mais alto dos Céus agora e para sempre, por todos os séculos dos Séculos. Amém!

 

O TÚMULO ESTÁ VAZIO

 

                  Muitas pessoas gostam de visitar túmulos e tumbas de personagens famosos no mundo, de Lincoln em Springfield a São Pedro no Vaticano. Nós sentimos uma sensação de paz ao redor desses lugares. Mas uma coisa que nós não esperaríamos em tais túmulos e cemitérios seria ação. É isso que nós encontramos no centro do Cristianismo, como São João narra hoje em Seu Evangelho Pascal.

         Todos os grandes personagens da história estão enterrados e se pode confirmar a presença dos restos mortais. Todo tipo de personagem, sejam militares, filósofos, músicos, artistas, políticos enfim, toda espécie de herói está enterrado e ali não existe mais ação, mesmo se a pessoa tenha sido extremamente  ativa.

         Após toda esta meditação sobre túmulos e história, vamos ao que ocorreu dois mil anos atrás. O túmulo deveria estar sereno, pacífico, calmo, mas ali não era nada calmo e sereno, havia um grande movimento. A primeira a chegar, trazendo   óleos, perfumes, talvez alguma coisa escrita, esta era intenção desta discípula, na verdade uma mulher. De repente a Pedra estava rolada, apesar do peso daquela enorme rocha, incapaz de ser movida por poucas pessoas. Dentro do túmulo está alguém dentro, alguém que se apresenta como um Anjo. Que tremenda sensação, esperar ver alguém morto e o que há é um vivo. Imaginem como os discípulos ficaram atordoados, quando experimentaram aquele acontecimento. O anjo proclama: – Aquele a quem vocês procuram não está mais aqui, vocês verão na Galiléia. Este túmulo é um local de choque, que amedronta as pessoas. Atingir este ponto, nós atingimos o Centro do Cristianismo. Por que os discípulos ficam com medo e saem correndo daquele lugar.

         Deus é o Inimigo da morte. Nós temos medo da morte. Ele nos mostra o seu Poder sobre a morte. Nossa mente odeia a morte. A Ressurreição mais aceitável para o mundo moderno, mostra que diferente dos outros túmulos, este túmulo traz uma ação incontestável. Neste local, Deus demonstra seu Poder.

         O túmulo de Jesus traz uma sensação de ação, pois está vazio. As pessoas não vão ao túmulo de Jesus. Ali se olha para a própria vida e toma direção da Vida Eterna, da Ressurreição.

         Finalmente, uma reflexão pertinente diz respeito ao homem que aparece no Getsêmani que corre nú, deixando a túnica para trás. Nesta passagem da Ressurreição temos esta mesma figura, que no momento da Verdade foge, ele vem com Pedro, mas não tem nome. Este personagem foge, deixando sua Sidonah (túnica) para trás. Quem é este?  Ele é cada um de nós, que precisa a partir da experiência do túmulo vazio, sair pelo mundo para anunciar a Boa Nova. Deixe ser transformado pelo Elã da Nova Evangelização. Ele Ressuscitou e está no meio de Nós! A pedra rolou, e a morte não tem mais poder sobre ninguém por Jesus Cristo! Aleluiah!

 

 

                              Nós podemos passar a vida inteira sendo tudo para nós Deus, estar na sua presença, servindo seu povo e aprendendo sobre sua Palavra. Mas o que nos acontece quando a resposta de Deus é apenas o Silêncio? Algumas vezes o Silêncio é apenas o silêncio. No silêncio, Samuel nos mostra que nós podemos nos tornar o tipo de pessoa que Deus quer que nos tornemos. Não há em todas as Escrituras, ninguém que se pôs a jejuar na presença do Senhor que não foi transformado por Ele no silêncio.

                             A verdade sobre a Vida, em todos os seus momentos que demanda CORAGEM! Você observa crianças brincando e se projetando no ar, estas pequenas coisas demanda coragem. Nós adultos, quando nos casamos para termos filhos, quando podemos, necessitamos passar por um um ato de coragem! Muitas pessoas precisam refletir sobre esse assunto hoje. Hoje que vamos enfrentar nossos desafios e o que mais precisamos para o dia de hoje é CORAGEM.

                             Hoje, há 9 anos, fui operado de um tumor cerebral. Do momento do diagnóstico até chegar o momento de ser operado necessitou de muita coragem, coragem para encarar, coragem para estar em pé, coragem para entrar no furacão na certeza que Deus estaria o tempo todo me sustentando, e foi o que mais Ele fez! Quando estamos na presença de Deus e entregamos nossos desafios mais difíceis, aí então Ele se mostra ainda mais presente e de maneira muito poderosa nos faz ver a Sua Glória. Lembre-se, de que se algo é bom para você, Deus fará de tudo para honrar, pois Ele somente sabe nos dar aquilo que é melhor para nós!

                             Muitos estão hoje refletindo sobre Matrimônio e como a coragem é algo fundamental para que isso se realize.

                             Muitos de vocês hoje se encontram na Faculdade e já estão pensando até aqui foi numa ordem bastante natural, sem muitos atos de bravura, mas e quando a faculdade acabar o que vai ser? Isso demanda coragem! Estar pronto aos desafios sabendo que o melhor para nós está nas mãos de Deus!

                             Nós ouvimos as Escrituras que nos falou sobre Samuel e sua mãe Ana. Ana deseja um filho em vida avançada, e revela que se ficasse grávida entregaria seu filho a Deus! E  a sua coragem fez Deus se compadecer e dar a ela e seu esposo Samuel. Mal o filho estava caminhando ela já havia entregado o filho ao Templo.

                             Agora temos Samuel, que ouve Deus o chamar somente na terceira vez reconhece a voz de Deus! Mas Deus já falava com Samuel em todo tempo pelo Silêncio! O Silêncio de Deus não significa que Ele não estava presente.

                             Pelo batismo somos chamados a sermos Sacerdotes ( são os que se apresentam a Deus para falar dos homens) e Profetas( são os que Deus apresenta aos homens para falar Dele)!. Então façamos nossa parte neste caminho de renovação não somente do nosso Batismo mas da nossa Coragem para enfrentar todos os chamados do Senhor e colocarmos à disposição desse chamado! Eis me aqui Senhor!

                            

                                    Oremos: Abbá (Pai) Amado, eu te peço hoje , a renovação das promessas do nosso Batismo, sendo Reis, Sacerdotes e Profetas para esta mundo que anseia Deus mas que não te conhece. Para responder a este chamado precisamos Senhor de CORAGEM, mas muita coragem para não temermos os desafios que a vida nos impõe! O Senhor é por nós quem será contra nós!. Ajuda-nos Senhor a sairmos de nossas zonas de conforto e busquemos mais os desafios de Fé, de ousadia, para levarmos a todos a Boa Nova de Nosso Senhor Jesus Cristo!

Pai em tuas mãos entrego meu coração! Cura-me Senhor, Restaura-me Senhor!  Amém

fotogrupopadrepiodespedidaguido9

Os Primeiros Passos

É assim a Geração dos que buscam vossa face o Senhor (salmo 23(24)

 

Como diz o salmista: – É assim a Geração dos que buscam vossa face o Senhor (salmo 23(24), pois então. Em muito pouco tempo estávamos muito unidos, nos falando o tempo todo, Guido me convidando para seus eventos, o Terço com Dr. Ribamar no Colégio Sto. Agostinho no Leblon, depois um grupo de oração num Condomínio em São Conrado.

Assim se iniciava um contato pela Palavra, quanto pelos livros, quanto pelas orações. Eu ouvia como um aluno atento, para depois partilhar com Dom Felipe meu diretor espiritual no Colégio São Bento.

Assim éramos chamados para visitar pacientes acamados em casa, em leitos de cti, em quartos de hospital. Muitas pessoas não entendiam o que iriamos fazer, pois chegávamos a pedido da família, que vinha ao nosso encontro, mas muitos destes pacientes eram pacientes de outros médicos da minha especialidade, que ficavam a princípio apreensivos, mas depois viam a gente tirar a Palavra de Deus, a água benta, o óleo bento e clamar o Senhor no Poder do Espirito Santo. Alguns colegas até ficavam de curiosos, e depois vinham comentar com a gente. Jesus adorava se manifestar nestas horas, fazia os pacientes melhorarem muito rápido, principalmente quando os médicos tinham uma posição bem anticristã, bem pagã, bem debochada. A partir deste encontro muitos viriam partilhar conosco algo que começava brotar no coração. Eu estava ousando muito, e algumas vezes partilhava com meu diretor espiritual, se aquilo não era um pouco demais, mas ele sempre me perguntava como ficava meu coração no final das contas, eu dizia que ficava bem, então ele acrescentava, então era o Senhor que desejava aquela ação.  Milagres…AH Milagres, eu já estava presenciando vários. Quando li a primeira vez Jesus está vivo do Padre Emiliano Tardif, canadense, eu disse para mim mesmo, isto é isto que eu quero presenciar, e ser canal para muitos presenciarem. O Poder do Espirito Santo se manifesta nos corações doces. Várias vezes quando voltávamos destas missões, eu me emocionava muito, vendo como a gente era pequenino e Jesus se manifesta tão profusamente através dos nossos atos, Sem mim nada podeis fazer(João 15:5).

Um dia solicitei ao Guido que fosse comigo ver o Pároco da Santa Margarida Maria, Padre Moreto em um hospital da cidade, no CTI. Daí ele estava com câncer e muito mal no CTI. Fomos num sábado, inclusive o plantonista era católico e bem fervoroso. Naqueles dias Guido tinha feito com  sua família em casa a Quaresma de São Miguel. Como todos sabem pode-se colocar o sal junto à imagem de São Miguel neste tempo para ficar exorcizado, fruto da Quaresma. O interessante que ao fazer a Novena, eles colocavam um sal. Mas a quaresma tinha acabado, o Guido costumava devotamente recitar o Rosário de São Miguel continuamente. O prato estava em frente à imagem sem nada, e à medida que o Guido ia rezando, o sal ia brotando. Ao provar tinha um gosto tão sublime, não parecia sal comum. Parecia o sal que brota de uma imagem de Nossa Senhora de Fátima que de vez em quando vem ao Rio. Enfim, pegamos o sal e levamos ao Hospital Quinta D`or. Entramos no CTI falamos com os colegas que iríamos rezar pelo Padre Moreto,  e eles autorizaram, inclusive dizendo que não tinham mais esperanças no controle do choque, ou seja isto se dá quando um paciente grave tem sua pressão arterial ajudada pelo que chamamos de aminas vasoativas, e o Padre tinha todas as aminas correndo na veia e nada, a pressão continuava baixa. Começamos a orar, colocamos um pouco do sal na boca dele, e intensificamos a oração suplicando pela presença do Santo Anjo, e o milagre aconteceu…A pressão do Padre começou a subir, o plantonista foi desligando as aminas e no final ainda teve de fazer algo para baixar. Ele dizia, milagre. Louvamos muito a Deus por isto . Saímos muito entusiasmado por isto. A secretária do Padre chorava já o encomendando, quando dissemos a ela seu rosto se transformou. Nunca mais ele precisou de aminas para subir a pressão e em quatro dias teve alta do CTI para o quarto lúcido. No quarto, ele me pediu que fizesse um grupo de oração na paróquia para interceder por ele e por todos os doentes a partir daquele dia. Foi assim que nasceu o RUAH, o grupo de todas as segundas na Santa Margarida Maria na Lagoa. Eu e o Guido começamos o grupo, lugar de muitas experiências místicas fortíssimas, curas e libertações. O grupo já nasceu com oitenta fiéis e só crescia.

Um dia me lembro de que um rapaz de uns trinta e poucos anos entrou porta adentro da Igreja, e o Guido estava pregando, ele entrou violentamente, ao chegar perto do grupo ficou paralisado por uns dez minutos, de repente se prostrou, e saiu lentamente.

O carisma do Guido de Libertação crescia a  cada dia. E o Senhor estava conosco sempre, nos impulsionando, nos convidando a buscar águas mais profundas.

Contusão do nosso maior craque, neste momento de semifinais nos traz  a pergunta. A fratura do processo transverso de L3, poderia realmente o tirar das finais. E tirando o craque, a dor maior é na coluna ou neste momento na sua alma….Quando nós somos tirados do sonho a beira da sua realização, como lidar com esta experiência e aprender com esta queda tão abismal….Fé, esta é Palavra que vem dando a Ele a esperança que todo o ser humano necessita para não desistir..Hoje teriamos outros craques nesta copa que de alguma forma desistiram, falo de Adriano e Ronaldinho, pois tomaram outros caminhos que não são vencedores para hoje não estarem em condições ideais para disputar o certame…Mas o que fica de tudo isso…A fé nos traz o Pão dos Fortes ( Salmo 77-7). Este Pão que desce do Céu e nos dá em alimento, corpo e sangue para nos alimentar… Por isso, levanta craque, toma a sua cruz e anda não olhe para tráz pois há algo muito maior te esperando, e a partir de hoje aprenda ainda mais com seus descuidos…E continue pois a Vitória é certa…