NÃO DESPERDICE SEU SACERDÓCIO. JESUS É O ÚNICO E ETERNO SACERDOTE. ELE TEM CHAMADO ALGUNS HOMENS PARA PARTICIPAR DO SEU SACERDÓCIO DE UM MODO ÚNICO. JESUS TAMBÉM TEM EXTENDIDO SEU SACERDÓCIO A TODOS OS SEUS SEGUIDORES, PARA QUE O PAI SEJA GLORIFICADO E O MUNDO REDIMIDO QUANDO O SACRIFÍCIO É OFERECIDO POR TODO O MUNDO.

                  Muitas vezes nós estamos procurando algo na internet e como Google conhece tudo o que nós gostamos ele nos oferece algumas curiosidades. Então se você começa a pesquisar mais sobre exercício físico, como ficar mais FIT, e de repente aparece umas coisas muito bizarras. Assim acabei me deparando com um colchão que você se envolve e que dá estímulos elétricos, usando é claro condutor a água. A idéia é que se você deixar passar essa corrente por você, você ficará FIT, você é eletrocutado e fica FIT, só que não. Não somente é uma idéia estranha como é um desperdício de dinheiro. E por aí vai outros aparelhos que te estimulam, para você ficar saudável. Quanta baboseira que vem e engana as pessoas, pois as pessoas querem acreditar em milagre para da noite pro dia as levar a ficar super FIT.  

                  São todas essas coisas que fazem com que as pessoas desperdicem tempo e dinheiro. Muitas pessoas estão em suas academias sentados em uma bicicleta ergométrica apenas assistindo uma série ou um programa e desperdiçando seu tempo, pois nem suando estão. Isso não é malhação, mas todos acham que estão malhando.

                  Quantas pessoas hoje estão dentro de uma biblioteca gastando tempo em nada. Os primeiros trinta minutos estão apenas mexendo em mídia social, depois começam a observar as pessoas em volta.  Das várias horas ali passadas talvez uns trinta minutos tenham sido realmente dentro do propósito de ter ido ali para isso, estudar para uma prova ou fazer um trabalho ou aprofundar para uma monografia.

                  Juntando  o exercício físico e os estudos, uma pergunta cai bem aqui: -Quanto eu tenho desperdiçado meu tempo? Por quê? Quando então nos movemos para o campo da Espiritualidade, quanto temos desperdiçado em nos aprofundar na Missa para apenas assistir a Missa!

                  Um exemplo recente está num documentário do Vaticano feito sobre a história de uma jovem Irlandesa que nasceu e cresceu numa periferia de Dublin, onde o meio era extremamente violento. Durante anos ela foi contrária a toda manifestação de fé, pois ao seu redor o que ela vivenciava era violência e crime. Um dia quando ela menos esperava, foi tomada em um momento de oração por um encontro pessoal com Jesus. Naquele dia ela foi tomada completamente pelo Amor de Jesus. Renunciando a tudo o que ela vivia, entrou para um convento e buscou o nome de Consagrada de Irmã Clara. Depois de doar sua vida pelos pobres veio a falecer, em Missão,  quando um forte terremoto assolou Equador, e antes de morrer deixou uma frase célebre: – Não conseguiria ir dessa vida sem ter me doado inteiramente aos outros pelo nome do Senhor Jesus, meu único prazer, amá-lo naquele que sofre, Eu temo não ter amado o Senhor. Lembra muito esta frase Madre Teresa de Calcutá. Isso quer dizer, Não dispersar a vida! O medo de morrer sem ter dado tudo de si para o Reino.

                  Nós muito facilmente dispersamos nosso tempo, nos esportes, na biblioteca e na nossa vida espiritual, especialmente quando vamos à Missa e não nos aprofundamos suficiente, nós não apresentamos nossos primeiros frutos, mas apenas nossas sobras. Com esta reflexão estaremos fechando nossas quatro semanas de reflexão sobre Vir para o Altar de maneira mais profunda. Nós estamos oferecendo o Filho ao Pai!

                  Sacerdócio é tudo, sem sacerdócio não há o que oferecer ao Pai, pois sem Eucaristia não há SACRIFICIO!  Sem Sacrifício não há o que Adorar. Sem adoração não  há salvação para o  mundo, pois o mundo estará perdido  não havendo Redenção para ele.

                  Quantos Sacerdotes há no mundo? A resposta é : Apenas um: Jesus Cristo o único e eterno Sumo Sacerdote. Todo Padre é consagrado pelo Sacramento da Ordem para ser Sacerdote Ministerial. O Padre participa do Sacerdote de Jesus Cristo, o único. Todos compartilham o Sacerdócio de Jesus Cristo. Mateus 28: Ide Batizei a toda criatura. Em João 20: Todos os pecados que vocês perdoarem serão perdoados e os que não serão retidos. Em Lucas, Jesus capacita seus sacerdotes para a Unção do Enfermos. Na última Ceia Jesus capacita seus apóstolos para Celebrar a Eucaristia a partir daquele momento. Sacerdócio Ministerial.

                  Em Atos 5 e 13, fica demonstrado a Sucessão Apostólica, impondo a mão aos discípulos e capacitando-os para Missão, tornando-os Pais para seus rebanhos. Santo Agostinho disse que existem grande Padres, Padres de Pedro e Padre de Judas. Santo Agostinho se aprofunda  e diz: Quando os Padres de Pedro batizam é Cristo quem Batiza quando Padres como Judas batizam é Cristo quem batiza. Os dons de Deus são irrevogáveis.

                  Jesus é o que age e o Pai é Glorificado. Por quê os Padres são consagrados e trazem os Sacramentos aos fiéis?  Por cada um de nós. Para fazer cada um de nós SANTO! A partir da nossa santidade alcançar nossa família, desde os primórdios foi assim.

                  Quando lemos o livro do Apocalipse Capítulo 1, lemos que Cristo tornou-nos Sacerdotes do Reino para a Glória de Deus. Quando somos batizados nos tornamos REI, SACERDOTE E PROFETA. Então somos todos sacerdotes do Reino. Quando oramos por cura interior, estamos exercendo os dons do Espirito Santo pelo nosso Sacerdócio do Reino.

                  Sacerdócio Ministerial é diferente do Sacerdócio do Reino onde como Sacerdote do Reino eu posso dizer que estou perdoando uma pessoa, mas Sacerdócio Ministerial diz: Eu perdoo você em nome do Pai, do Filho e do Espirito Santo. O Sacerdote consagra Jesus Cristo na Eucaristia e oferece o Sacrifício ao Pai. Mas logo após o ofertório toda a Assembleia, sacerdotes do Reino e o Sacerdote Ministerial estão oferecendo o pão e o vinho para serem Consagrados e assim ser elevados ao Pai pela Mão do Sacerdote.

                  Quantos Sacerdotes Ministeriais hoje estão oferecendo o Sacrifício e estão mais assistindo do que penetrando no Mistério da Eucaristia, e do Sacrifício? Em certos Ritos o Sacerdote fica de costas para a Assembleia, porque Ele com a Assembleia  oferecem o Sacrifício ao Pai.

                  Venha ao altar para ir mais profundamente oferecer o Sacrifício ao PAI junto ao Sacerdote. Na próxima Missa logo após o Ofertório preste atenção na Oração que o Sacerdote vai fazer com a Assembleia…

                  Muitos Sacerdotes estão dispersando seu Sacerdócio, ocupados com tantas coisas que realmente não importa. Todas as orações na Missa estão dirigidas ao PAI! O Sacrifício é oferecido através de Jesus Cristo , o Sumo Sacerdote ao Pai!

                  Todos nós leigos estamos sendo chamados após o Ofertório com o Sacerdote para oferecer ao Pai o Sacrifício ( Cristo Jesus), corpo e o sangue, alma e divindade. As orações que nós fazemos diz isso, precisamos prestar mais a atenção no que falamos.

                  Venerável Fulton Sheen em seu livro, O  Padre não é para si mesmo, nos narra  que o Padre quando consagra, consagra Jesus, pois o Padre é Persona Christi, não somente o que oferece mas também a VITIMA.

                  Como Sacerdotes do Reino, nós devemos fazer o mesmo, não devemos apenas na Missa oferecer o Sacrifício mas ser o Sacrifício. João Paulo II nos ensinava que nós devemos oferecer como  oferta Eterna ao Pai, para o Glória do Pai. Nós somos chamados a ser o SACRIFICIO!

                  Outro ponto importante a salientar finalizando, é que após o nosso Batismo, nós somos chamados como Templo do Espirito Santo. Templo é o lugar onde Deus habita. No mundo antigo Templo era o local da Adoração e de Sacrifício, e onde está o Altar. Nós fomos feitos Sacerdotes do Reino, nós somos o Sacrifício neste Templo do Espirito Santo. Não venha mais a Missa para desperdiçar seu Sacerdócio. Ofereça a partir de hoje o Sacrifício e seja a Vítima, Adore o Senhor que está sendo Consagrado para a Salvação e Redenção do Mundo, por mim e por você!

                          

                  Oremos: Abbá (Pai) Amado, hoje eu preciso renovar o meu Batismo. Batiza-me Senhor com Teu Espirito pois Minh alma sedenta está. Sim Senhor como Templo do Espírito eu quero a partir de hoje exercer meu Ministério como Sacerdote do Reino em toda plenitude. Doar minha vida para o Reino, por ti Jesus, que se doa todos os dias em minha vida. Sim, Senhor  a partir de hoje eu não deixarei de não somente me fazer oferta mas também ser a VITIMA nesse Sacrifício de Amor, que és Tu Senhor!

Pai em tuas mãos entrego meu coração! Cura-me Senhor, Restaura-me Senhor!  Amém

 

 

                 

                  A Verdadeira grandeza está em ser capaz de se livrar do que você não necessita. Fique com a essência.

                  É fácil cair na  poderosa tentação de medir grandeza de acordo com os padrões do mundo. E quando nós podemos  ver como os outros vão bem e o que eles têm  realizado, podemos cair facilmente na COMPARAÇÃO, ciúme, despeito, cobiça e  inveja.

                  Não podemos temer que não sejamos plenos, suficientes porque outrem tem mais. Esse é um grande engano, que nós teimamos em cair, mesmo quando dizemos que assumimos seguir o nosso GOAT.

                  Quando analisamos este termo GOAT, é inevitável não remetermos aos Jogos Olímpicos, pois existem certos atletas que escreveram, que escrevem e que escreverão seus nomes na Lápide dos notáveis. Um atleta que desafiou as críticas foi há quase 100 anos atrás foi Eric Liddell. Eric Liddell apesar de ser na época considerado o mais rápido do planeta nos 100 metros e 200 e revezamento, apenas ganhou uma medalha de ouro porque recusou as outras, pois ele correria e ganharia, mas seu coração estava acima das medalhas. O que mais chamou a atenção do mundo não foi o que ele ganhou mas o que ele deixou de ganhar, pois fez a sua opção, e sua opção era: Para competir no Domingo, dia do Senhor eu me recuso a correr. Mesmo a assim ele é GOAT. Ele desejava ser Missionário Cristão depois que parasse de competir. Sua grandeza não foi o que ele ganhou mas o que ele teve a coragem e a liberdade interior para deixar de lado por algo em sua convicção maior. Ele tinha liberdade interior suficiente para realizar algo de impacto exterior.

                  Nós não seremos grandes a menos que possamos fazer algo interiormente maior, que é deixar de lado, deixar para trás as coisas que o mundo enaltece por algo muito maior.

                  Baseado nesta reflexão, vimos Jesus chamar os seus discípulos para algo muito maior e de uma forma extremamente radical ele aponta que se um olho, uma mão ou qualquer outro pedaço do nosso corpo nos leva ao descaminho, melhor cortá-lo. Isso serve de uma forma muito concreta ao nosso interior. O que em nós hoje é obstáculo para fazer o que Eric Liddell fez? Vamos ainda mais profundo. Quando colocamos certas formas nas palavras e as tornamos algo maior que, melhor que, e assim vai, vamos implicitamente escrevendo a palavra COMPETIÇÃO e competição leva diretamente a COMPARAÇÃO. Comparação é um veneno pois se ele tem mais eu tenho menos, se ele é mais ovacionado eu sou menos, se ele é mais amado eu sou menos, se ele é notável eu sou menos e se ele é especial eu não sou . Isso tem um poder destrutivo forte dentro do nosso inconsciente.

                  Voltamos novamente as Sagradas Escrituras, onde no Livro dos Números 11: 25, o Senhor chega para Moisés ( o grande GOAT do Velho Testamento) e diz que 70 outros do povo de Deus tinham começado e Profetizar e os de perto de Moisés, como Josué, se aproximam e começam a murmurar contra o que estava acontecendo temendo que Moisés deixasse de ser o GOAT, e Moisés os adverte chamando a atenção acima do que eles estavam julgando e agradecendo a Deus que não somente eles pudessem profetizar mas que todo o povo de Deus pudesse. Moisés prossegue demonstrando a eles que a grandeza dele dada por Deus, não significava que outros não pudessem ter. O brilho dos outros nunca apagarão o seu brilho se esse brilho vem de Deus. Eles demonstraram aí ciúmes, despeito, porque achavam que assim Moisés não seria mais especial, assim pensa os pagãos que não conhecem a Deus.

                  A partir desse fato é apropriado diferenciar Ciúmes, cobiça e Inveja. Ciúme ou cobiça é querer o que o outro tem. Alguém possui alguma coisa que eu quero, isso é cobiçar. Inveja é se entristecer pelo o que outro tem. Inveja é obscura e faz quem a sente depressiva. Cobiça é desejo, mas inveja é tristeza o que é muito grave. Cobiça faz a pessoa pensar que nunca tem o suficiente, mas a Inveja faz a pessoa pensar que se a pessoa não tem o que o outro tem, a pessoa se sente que não é suficiente, que não é especial.

                  Como se livrar da inveja e da cobiça? Aqui vai a dica. A cura para a cobiça é GRATIDÃO e a cura para a Inveja é ADMIRAÇÃO. A cura é sempre é um movimento positivo. Não é o que você não tem mas é o que tem.

                  Curar a inveja também vem algo bem profundo. Admirar o outro, e como isso se dá! A admiração é algo que se sente de forma muito rápido admirando o que o outro representa ou alcança, ou seja admirar o brilho dos outros e se ALEGRAR.

                  Todos esses dois movimentos não tira nada de quem sente. Imagina um altar repleto de velas brilhando ao mesmo tempo. Tirar uma vela não muda o brilho das outras.

                  O cuidado para não deixar que esses vícios entre em nós, tanto a cobiça quanto a inveja, faz algo extraordinário, pois se não vivemos assim, todas as pessoas para nós se tornam uma AMEAÇA. Sem admiração ou gratidão nós corremos o risco de passar por essa vida em constante perigo de sermos menos. Nós sempre encontraremos em nossa vida quem tem algo a mais que nós. Precisamos nos livrar desses vícios. Para sermos capazes de nos livrarmos de tudo. Grandeza começa de ter liberdade para se livrar desses vícios.

                  Nós temos uma grande vocação para ser grande. Então porque nós nos comparamos, porque temos medo de nos livrar disso, ou melhor daquilo que não precisamos. Deus sabe quem somos e confia em nós. Ele nos chama para sermos grandes.

                  Há somente uma razão segundo São João da Cruz para não sermos Santos, porque não queremos. Isso cai perfeitamente na Palavra quando Jesus alerta sobre se algo de nós impede que possamos ir para o céu, que cortemos isso, e o que isso está dizendo agora, claro, pois se há alguma coisa em nós que para nós é preciso que nos livremos disso, é isso que nos impede de sermos grandes e sermos livres verdadeiramente.

                  Para nos livrarmos dessas coisas interiores que nós temos tanta dificuldade, devemos fazer  duas coisas:

         –        Seja Paciente com você mesmo

         –        Seja duro com seu meio ambiente, com seu meio onde vives.

                  Todos os santos fizeram isso. Muitas vezes há relacionamentos que não deveriam estar nos escravizando assim. Isso inclui  tudo que nos tira  do caminho do céu, podendo ser dentro da sua casa, como pai ou mãe que te induz ao descaminho, ou irmão, ou amigo, ou relacionamento.

                  Um estudo feito em uma universidade americana em pessoas que passam horas ouvindo músicas que induzem a ira, induzem a raiva ou ao ódio e substituindo por músicas calmas por duas semanas, concluíram que ao final desse período todos experimentaram estar mais calmos. Assim é que o quer dizer ser Duro ou implacável com seu meio ambiente.

                  Jesus se livrou de suas habilidades, seu conhecimento, sua força física, suas realizações, sua autoridade, tudo na Cruz, para a liberdade minha e sua.

                  O momento em que Jesus se torna Grande foi no momento em que se livra de tudo. Lembra de Eric Liddell, que ao se tornar missionário ficou preso em prisão de guerra no Japão, e na fila da morte ele ia trocando com as pessoas que estavam na fila. Por isso ele se tornou um GOAT.

                  Na segunda carta de São Paulo aos Coríntios 2Cor 10. Ele proclama que Jesus revelou a Paulo, que o Poder de Deus se realiza na fraqueza do homem. Quando sou fraco Ele é forte em mim.

                  Quando estou em Cristo não sou fraco nunca mais. Eu sei que o Senhor me faz forte. Não desista de você pois Jesus nunca desistiu.

                  Oremos: Abbá (Pai) Amado, eu te peço hoje, retire de mim  toda a Inveja e toda a Cobiça e ciúme. Não deixe que eu me perca me comparando com o que os outros realizam ou o que os outros conseguiram e ou conseguem no dia de hoje. Senhor eu sei que minhas limitações e minhas fraquezas me impedem de ser livre, por isso vem com sua graça oh Senhor me fortalecendo e me iluminando o caminho que eu tenho que seguir. Sim, Senhor, me faça ter paciência comigo e ser ao mesmo tempo implacável com meu meio ambiente, o meio em que vivo e as pessoas com quem eu convivo e os hábitos degradantes que me fazem cair. Pai em tuas mãos entrego meu coração! Cura-me Senhor, Restaura-me Senhor!  Amém

Procrastinação espiritual leva a pessoa ao esgotamento na caminhada

PROCRASTINAÇÃO, eis o termo que devemos meditar hoje, ou seja, a arte de adiar as coisas que deveriam ser feitas logo, ou ainda, que deveriam ser feitas agora. Existe um termo que cabe bem aqui que se chama: PROCRASTINAÇÃO ESTRATÉGICA.  Pessoas pensam que procrastinação é  somente assistir aos seriados na TV; gastar tempo navegando pelas mídias sociais e,  isso sim, seria procrastinação. Mas, ainda não é o que realmente fazemos.

Nós costumamos  fazer um monte de coisa, parecendo que somos muito ocupados, mas não fazemos o que necessita ser feito. A isso chamamos de PROCRASTINAÇÃO ESTRATÉGICA.

As pessoas olham a distância e acham que nós estamos superocupados, mas, nós estamos (realmente) fazendo muitas coisas, quando nós deveríamos fazer uma coisa só, e cada coisa a seu tempo.

Procrastinação na Vida Espiritual 

Esse conceito se aplica não somente à nossa vida diária, mas também à nossa vida Espiritual.

As pessoas, na vida espiritual, se ocupam de uma porção de atividades e se ocupam de uma série de devoções, de ações, ao invés de focar em algo que realmente seja a vontade de Deus para aquele tempo.

Muitas pessoas, hoje, estão numa caminhada errática querendo fazer todas as coisas, abraçar todo tipo de devoção, fazer todo o tipo de atividade dentro da Igreja e na ações externas e acabam se esgotando nesse caminho de superatividade que nada mais é do que Procrastinação espiritual.

São João da Cruz dizia que o excesso de atividade na vida espiritual leva o individuo ao cansaço e ao fracasso de sua caminhada. Por isso não se deve fazer um monte de coisa, e sim “A Coisa”!

Exemplo da Sagrada Escritura

Nas Escrituras estamos cheios de exemplos de Judeus que viviam como os fariseus da época. Queriam fazer as coisas, mas ao final não faziam “A COISA”! Exemplo seria a crítica deles quanto os servos de Cristo, que não lavavam as mãos antes de comer. Mas, na verdade, a obsessão deles sobre lavar as mãos para tudo, levava os seguidores de Jesus a uma exaustão de preocupação, com um suplemento saudável transformado em Requerimento, exigência ou mandamento. Mas, em momento algum, em Levítico, Deus tinha dito que deveria ser exagerado assim, esse exagero tornou-se ação do homem.

Nós somos, muitas vezes, criticados a respeito da nossa Tradição. A Tradição vem da comunicação oral e, também, das Escrituras.

Nós marchamos segurando a Tradição e as Escrituras. Jesus diz que não veio para mudar a Lei mas para dar pleno cumprimento.

Há 73 Livros Sagrados na Bíblia para nós Católicos e, também, a Tradição, isto é,  que não está nas Escrituras veio pela Tradição. Mesmo os livros serem 73, estão relacionados à Tradição que os junta no inicio do Catolicismo e se mantém até hoje.

O problema dos fariseus não eram as Escrituras ou a Tradição. O problema deles confrontando Jesus era : primeiro, crerem que o suplemento poderia ser tomado como Prescrição ou Requerimento. Segundo, por confundirem a aparição sagrada com a presença do Sagrado. Terceiro, eles usavam a tradição para o opcional, ao invés do ESSENCIAL.

O essencial 

Um costume nosso é fazer o sinal da Cruz quando passamos em frente a uma Igreja Católica. Pois sabemos que aquele prédio tem algo especial e merece todo o nosso respeito. É o tabernáculo, ou seja, o Corpo, Alma e Divindade de nosso Senhor Jesus Cristo, portanto, diante do Rei dos Reis nosso respeito. Isso é um suplemento.

Uma pessoa católica que passa diante da Igreja e não faz sinal da Cruz não pode ser condenado, pois não é um Mandamento, um Requerimento, mas um Suplemento. Um exemplo da vida cotidiana é avaliar uma pessoa e dizer que ela é saudável, não pelos suplementos que ela ingere diariamente, mas pelas suas atividades físicas e pela sua alimentação.

Na vida espiritual, o suplemento não pode ser usado como avaliador. Frequentar a Missa todos os Domingos é um Requerimento, e não o sinal da Cruz que se faz quando se passa diante da Igreja. Jesus fala forte quando diz que os Judeus louvavam o Senhor com os lábios, mas os corações estavam longe dele. Por isso, eles faziam muitas coisas mas não faziam a COISA, ou o Essencial.

Nós fazemos muitas coisas, mas não vamos fundo no nosso coração. Ficamos aparentando Santidade com exterioridades, mas não demonstramos Santidade, não exalamos Santidade e, por fim, não vivemos Santidade.

O que está errado  é optar pelo opcional, ao invés de abraçar o essencial. E, assim, não viver o verdadeiro sentido da Fé Católica. Nós não somos chamamos a nos ocupar de uma série de coisas, mas a uma coisa essencial e essa é o que o Senhor está hoje indicando dentro de nós. Então assim nós estamos vivendo uma Procrastinação Estratégica.

Doação e desapego 

Doação é um ato de pegar qualquer coisa na sua vida e oferecer a Deus. Isso é muito precioso, pois demonstra nosso respeito e nosso desapego.

Muitas pessoas contribuem monetariamente com a Igreja, quando poderiam usar esse dinheiro com os seus pais idosos. Isso é o que Jesus chama de Hipócritas. Muitos de nós fazemos isso hoje, fazer o opcional, no lugar do essencial.

Muitos, hoje, estão carregando uma Cruz no peito; um Rosário no bolso; e vivendo por fofocas, por individualidades, por se portar indevidamente quando há uma fila para ser respeitar, ou quando alguém solicita a ajuda física, ou mesmo, quando a vaidade vem acima nas tarefas de comunidade.

Nosso chamado, hoje, é para mudarmos o interior e não o exterior. Para o próximo Domingo desejo que, todos os que participarem da Santa Missa, busquem uma mudança interior verdadeira. Tome uma caneta e um papel e escreva para ofertar no altar das intenções:

Senhor, qual é a Coisa Essencial que eu preciso mudar hoje? Basta entender que é apenas um passo e não doze passos.

Em seguida, perguntar ao Senhor para iniciar a Semana: “Qual a única Coisa que o Senhor deseja que eu faça no próximo dia”?

Desse modo se combate a Procrastinação Espiritual.       

Oremos

Abbá (Pai) Amado, qual é a Coisa mais importante que eu preciso mudar hoje?
Senhor, qual a única coisa que o Senhor me pede para que eu faça?
Senhor, derrube em mim todas as coisas suplementares e que venha de dentro de mim apenas o Essencial.
Senhor, me transforme em um verdadeiro seguidor do Senhor, renovando a cada dia do desejo, ser melhor diante dos seus olhos.
Destrua em mim o pecado da Procrastinação, para que cresça, em mim, os Seus Dons e diminua os meus vícios.

Pai, em Tuas mãos entrego meu coração! Cura-me Senhor, Restaura-me Senhor!  Amém.

 

        

 

        É fundamental para darmos o último passo na direção do que vem a seguir, sabermos que uma coisa é você ter confiança em uma pessoa que tem poder e conhecimento, outra tipo de confiança que é necessária quando uma pessoa está sem respostas e sem poder. Este último tipo de confiança é ter Fé em Deus! Em Deus onde devemos colocar tudo o que temos e o que não temos ao Senhorio do Senhor o Todo Poderoso! O poderoso que domina o Universo! Neste tempo de transição, quando nós temos que ir,  não podemos ficar. Muitas vezes na nossa vida, mesmo que nós desejemos ficar, não podemos, temos que ir. Seja neste tempo de final de semestre, de graduação para alguns ou mesmo TRANSFERÊNCIA. Nós temos que nos lançar.

         O que acontece quando nós temos que ir mas temos vontade de ficar? É possível acontecer as duas coisas? Ter que ir mas ser capaz de ficar? A realidade é que nós humanos, quando temos que ir em situações como essas, desejamos ficar.

         Continuando nossa meditação sobre o Próximo Passo, o que vem a seguir, meditamos na semana passada sobre coragem, quando as coisas fogem do nosso controle, precisamos de coragem. Coragem é fazer o que tem que ser feito no momento que é mais necessário. No dia de hoje estou refletindo especialmente sobre alguém que vai receber o Sacramento do Matrimônio. Como é necessário estar convencido de que este é o caminho. Quando o assunto é casamento, não basta apenas estar convencido, eu preciso pegar tudo aquilo que eu sei e colocar em ação, e muito mais, tem que  Ter Coragem para as batalhas de um futuro a dois. Então necessitamos para o que vem a seguir é ser convencido, estar convicto e ter Coragem e algo a mais que vamos falar hoje.

         Em 1999 na revista American Medical Association sobre pessoas que estavam para morrer, e perguntaram a eles qual era a coisa mais valiosa naquele momento? – O  resultado foi: Eles disseram em sua maioria, que o mais valioso é que eles perdiam o senso de Estar no Controle das coisas. Mesmo para quem estava indo rápido ou não para  morte, os pedaços das coisas onde o controle era a tônica, eles iam perdendo. Quando você tem que ir e perde o senso do controle, aí que entra poderosamente o que nos sustenta quando perdemos o controle. Na trincheira não existem ateus. O que sustenta os que perdem o controle é a fé. São João diz que em todos os atos que antes aterrorizavam os apóstolos, após o Pentecostes, todos tinham confiança num Deus vivo que se faz um de nós, e nos ergue quando estamos para cair. Por isso a palavra CONFIANÇA hoje é uma das nossas pérolas a meditar. Quando o assunto é encarar estes desafios entre a vida e a morte, confiança naquele que venceu a morte é tudo!

         Como você pode ter respostas quando você está sem poder e sem respostas, e tem  que encarar o que vem a seguir. Um dos grandes exemplos nisso, é Padre Sorelo Filipino, que foi preso pelos Jihadistas. Após descobrirem que ele era Padre, resolveram mantê-lo  vivo, para ser moeda de troca, pois todos os seus amigos presos no mesmo veiculo, foram brutalmente assassinados. Padre Sorelo Nacorda era ameaçado todos os dias durante longos dias. Um dia, em suas preces, se colocou de joelho e começou a orar com poder, clamando por Jesus vir ao seu socorro. Após alguns minutos ele viu a imagem luminosa entrar em sua sela e um rosto mais perfeito que ele já havia visto se adiantou naquele lugar. Jesus não disse nada, mas a partir daquele dia todas as noites sabendo que poderia ser enforcado ou cortado a cabeça no dia seguinte, Padre Sorelo dormia como uma criança. Por que! Porque tinha confiança  e muito mais, irradiava a luz de Cristo aos seus algozes. Ele não foi morto, e foram mais dois meses de prisão e torturas. Esse sacerdote  não tinha nenhum poder e nenhuma resposta, mas o que Ele tinha? Vamos descobrir  tempos depois, quando foi liberado, em sua primeira entrevista ele disse: Fé é a resposta,  eu tenho confiança em Jesus Cristo. Confiança em latim quer dizer Confidentia( Com Fé). Eu vivo com fé em alguém maior.

         Pedro e João, como lemos recentemente, passavam pelo Templo e um paralítico cruza o caminho deles, eles rogam ao Senhor e o paralítico fica curado. Pedro então se antecipa e diz: Homens de Jerusalém não fazemos isso por nossos próprios poderes mas pelo Poder do Nome de Jesus, Aquele que vocês mataram, mas Ressuscitou! Amados nós temos Confiança em Deus! Quando eu estou sem sabedoria eu recorro ao Senhor! Jesus está dizendo naquele momento e hoje para mim e para todos, Ide e permaneça! Ide e Permaneça Comigo, pois sem Mim nada podeis fazer!

         Eu vou mas eu não vou sozinho, eu Vou Com Ele! Eu confio em Deus e isso me basta. Jesus está dizendo hoje para mim e para você, Sem Mim nada podeis fazer, NADA!

         Yoyo Ma um dos grandes violoncelistas da história moderna, um dia declarou que para ele a música era um contínuo. Quando ele parava de tocar a música desaparecia. Assim é Deus, ativamente tocando a sua criação. Sem Deus nada existe e nada persiste. Quando Jesus diz sem Mim nada podeis fazer Ele diz hoje que nós somos a Sua música que ele toca sem cessar.

         Muitas pessoas tem aquela rebeldia de tentar fazer as coisas sozinhas e o que acontece nesses casos é que a pessoa quando falha, se culpa , entra na autocondenação. E vamos entrando no ciclo de rebeldia e autocondenação. Como quebrar esse ciclo?  Fazendo uma palavra: RENDA-SE. Renda-se a sua vida a Cristo, como Padre Sorelo. Redenção não é desistência, mas um ato onde você entrega sua vida em Cristo. Jesus eu quero render minha vida, quero me abandonar em ti, colocando meu trabalho, meu relacionamento afetivo, minhas perdas agora, meus lutos, meu desesperos, minhas doenças, minhas fraquezas. Todas as coisas da nossa vida de Cristão devem ser prostradas aos pés do Senhor. Especialmente aquelas situações onde nós cometemos erros sérios e vêm as consequências desses atos a nos atormentar, pois perdemos o controle sobres essas consequências. Isso porque as pessoas estão exaustas, e porque nos momentos de não ter poder e não ter respostas tentam se enganar buscando em si as respostas. Muitas vezes nós até conseguimos no início a arrumar uma forma de lidar com alguma situação, mas as outras vão crescendo e tendo muitos tentáculos que me envolvem e me destroem. Ao colocarmos tudo isso aos pés do Senhor, pois Ele nos convidou e nos convida a fazermos desta forma,  o que vem a seguir, nos convida  a buscarmos a partir de hoje algo muito mais sábio para nossas vidas. Irmos mas não irmos sozinhos! O que dizemos não é que não queremos ir, mas não queremos ir sozinhos! Nós precisamos ir, mas ir COM Ele!

    Oremos: Abbá (Pai) Amado, em tuas mãos entrego minha vida, meus projetos, minha falta de Confiança, me falta de coragem, minha falta de convicção, minha falta de convencimento. Sim Senhor ao final desta série eu preciso ser uma nova pessoa, um novo homem, uma nova  mulher, um novo discípulo, como Pedro, diante do Sinédrio, tudo igual a antes, mas o Poder de Deus estava sobre ele, por isso ele tinha coragem , porque ele sabia em Quem Ele Confiava. Eu sei em quem posso confiar, pois o Senhor dos Exércitos batalha em meu favor. Por isso eu me convenço Senhor que a partir de hoje Eu vou, mas eu vou Contigo! Pois indo Contigo, cada manhã é nova! Amém!

Pai em tuas mãos entrego meu coração! Cura-me Senhor, Liberta-me, Restaura-me Senhor!  Amém

Glória a ti Senhor nos mais alto dos Céus agora e para sempre, por todos os séculos dos Séculos. Amém!

 

 

         Prosseguindo com estas formações sobre o que vem a seguir! Aproveitando para provocar ainda mais nossas reflexões, hoje meditaremos sobre o momento das decisões. No momento quando somos testados como nos manifestamos? Nos manifestamos com CORAGEM ou com Covardia? Somos capazes de declarar nossa fé ou apenas somos indiferentes e acovardados diante dos teste? Nesta questão do bebê inglês Alfie, como seus pais estão sendo testados frente a cultura de morte que Reina no Inglaterra e em todo o mundo…Deus mesmo nessas situações Ele está se manifestando. Ele nunca nos tira nada, e nos dá algo maior! Ele não nos livra dos perigos ou do medo, Ele nos dá o que nós necessitamos para lidar com isso! CORAGEM! Coragem é usar o que nós temos no momento que esta virtude se faz mais necessária!

         Nestes últimos dias tenho pensado em muitas coisas que nos amedrontam. Interessante quando pacientes chegam para mim e se mostram com medo de fazer Ressonância! O que existe dentro de uma máquina e fazer um exame para um bem maior?  Isso tem sido confundido com uma câmera de gás ou algo parecido. As pessoas estão sendo dominadas pelo medo.

         Penso que muitos de vocês já assistiram o filme ( The Quiet Place) UM LUGAR SILENCIOSO! Este filme é bastante interessante quando se pode refletir vários valores cristãos empregados neste filme bastante assustador em certos momentos! A tônica do medo, o medo de fazer um som e ser imediatamente perseguido por alguma coisa bizarra que vem para nos destruir. Em meio a tudo isso está uma menina que surda! Bem mas usando isso para exemplificar o que nos amedontra. O que não vimos ou escutamos  nos traz medo. Não saber o que está lá fora nos traz medo. Muitas pessoas têm medo de escuro, porque escuro nos traz a memória do que não sabemos o que tem lá! Isso nos amedronta. Quando a palavra é o futuro, isso nos amedronta, pois não sabemos o que virá!

         Em termo de vida Cristã, eu preciso de algo mais forte e poderoso para que o pensar no futuro seja para mim um pensar de esperança e de fé, por isso ser convencido por Jesus  é colocar o que virá sem sua mãos e Crer que Ele o fará , o melhor Ele tem para mim e para você, por isso não Temais!

         Vamos focar hoje na palavra Medo! Quando vivemos, só pelo fato de viver, nós vivemos um tempo de transição! Você que está acabando seu primeiro ano de faculdade ou você que está se graduando, vocês e eu estamos em tempo de transição, e que vem pela frente, pode sim, sem o devido entendimento nos amedrontar, por que nem eu nem você sabemos o que vem por aí!

         NO mundo de hoje, muitas palavras de não tenha medo de falar, de arriscar, se tornaram um monte de palavras soltas! É fácil não ter medo quando ninguém está contando com você! É fácil não ter medo quando não é você quem paga suas contas! É fácil não te medo quando tem sempre alguém para fazer o que você deveria estar fazendo! Fácil quando você não está sendo desafiado ou testado. Acho que é possível assim viver sem medo! Mas que tipo de vida é essa? Mais dia menos dia chegará o dia do Teste, e como você se sairá?

         Estamos chegando num tempo de que não se pode viver sem que o medo esteja nos rondando! A questão é : o que você fará?

         Vivemos num tempo em que eu pergunto hoje: Como nós viveremos quando as fichas estiverem sobre a mesa? Isso se refere a MOMENTOS CRÍTICOS! Neste momento como em tudo na vida em teste, é o momento que você pode PERDER! Você está dentro ou fora! Desafia sua posição atual!

         Quando voltamos as Leituras da Semana, nos deparamos com algo espetacular e curioso: – Em Atos dos Apóstolos, aqui está Pedro diante de tudo e de todos pregando e levando muitos a deixar tudo e seguir Jesus! Tudo em volta continua do mesmo jeito que há 50 dias antes, quando por três vezes Pedro negou! São os mesmos cenários, quase as mesmas pessoas, mas com certeza a mesma autoridade Judaica. Em frente a todos aqui está aquele que mudou! Pedro mudou! Pedro está diferente pois está agora e não estava antes Cheio do Espirito Santo, que Jesus prometeu e enviou no dia de Pentecostes! O que mais Pedro agora possui como virtude CORAGEM! Não somente Pedro mas todos os Apóstolos que agora não tinham motivo mais para se esconderem! As fichas estão sobre a mesa, e eles fizeram suas apostas! Nada mais a perder! Os olhos dos cristãos devem estar sempre mirando a vida Eterna e não a esta vida mundana, porque o medo jamais virá de Deus mas Ele nos capacita para superarmos tudo com confiança, com destemor  e com alegria!

         Na nossa vida, após nossa conversão, as pessoas são as mesmas, os problemas os mesmos, os riscos os mesmos, mas agora algo maior nós recebemos, algo que nos faz combater tudo isso com coragem, pois recebemos o Espirito Santo! São Paulo a Timóteo nos ensina que nós não recebemos um Espirito de Covardia, mas Autocontrole, de Amor e Poder! Deus não tirou nada, Ele nos deu algo maior! Nós hoje recebemos esta missão, de fazer grandes coisas onde nos formos! Quantas pessoas tem uma vida de caminhada na fé, mas sua família se esconde atrás das nebulosas falsidades espirituais. Quando esta pessoa visita sua família, ao invés de iluminar aquele lugar com a Luz de Cristo, se retrai, para não incomodar, deixa de ir a Missa, ou seja, no momento de manifestar a alegria de ser Cristão e ter Coragem diante dos testes, contraria a palavra e se reveste das malhas da Covardia! Não irmãos, nós quando tomamos conhecimento do valor do Sangue derramado na Cruz por nós, não podemos nos acovardar diante de ninguém! Nada pode nos separar do Amor de Deus! Nada! O nosso exemplo tirará as pessoas da escuridão!

         André é um grande líder jovem, em seus 26 anos, trabalha na liderança de um grupo jovem bem estruturado e tem como dom ser músico e guitarrista. Ao retornar de um Retiro em um Voo longo se vê sentado ao lado de uma mulher de meia idade, muito bem aparentada, simpática e atraente. Ao vê-lo arrumando suas coisas, ela por curiosidade perguntou vendo sua guitarra onde ele esteve no final de semana! Prontamente ele conta que estava num encontro nacional de Pregadores! Na mesma hora seu rosto se transforma e nas duas horas e meia de voo, ela como grande ateísta convicta ficou questionando André, que em tudo ia aos poucos explicando aquela que não iria mudar nada em suas convicções! Então quase no final desta viagem, André pede a Jesus para dar uma pista para ele, já que Ele havia colocado aquela mulher ali! E foi aí que ao arrumar suas coisas André  notou que tinha algo que a incomodava muito no pé esquerdo! Em todo momento que ela se apoia seu rosto mudava de tom, e havia ali uma expressão de dor. Ao se sentar novamente, André pergunta discretamente a ela: – O que há de errado com seu pé! A mulher conta que há muito tempo vinha lutando contra uma dor que a principio foi diagnosticada de fascite plantar mas que depois se espalhou pelo seu tornozelo, de ortopedista em ortopedista, de reumatologista em reumatologista nada tirava aquele sofrimento constante. Ela disse, logo comigo que necessito no meu trabalho de CEO de uma empresa gigante viajar e andar tanto. Neste momento entra André: – OK, estamos aqui conversando há tanto tempo e não fomos a lugar algum, mas tenho um presente para te oferecer. Ela disse: – Prossiga! André com muita delicadeza faz a oferta: – Você entregaria sua vida a Jesus Cristo se imediatamente ele hoje te curasse?  Você aceitaria Jesus como seu Salvador? Ela sem exitar pois era uma mulher de grandes decisões disse: – SIM!Absolutamente!

         Combinaram então de ao apanharem as bagagens, após as pessoas saírem, e num local apropriado André iria impor as mãos sobre ela e fazer uma oração pedindo a Cura . E foi assim que aquela mulher que sofria há anos, e tinha gastado muito dinheiro em tanta coisa para receber a cura, foi curada! André suplicou ao Senhor, que Glorificasse seu Nome ao curar aquela mulher e demonstrar que era amada pelo Pai e Senhor! Jesus Vivo e ressuscitado repetiu o que nos ensinou quando esteve conosco! Faça tudo para a Glória do Pai!  Minha pergunta é, onde André demonstrou sua virtude ao falar com aquela mulher, quando Ele demonstrou CORAGEM ao orar pela mulher! Não, Ele demonstrou coragem quando respondeu a Ela que ele vinha de um encontro de Pregadores, daí todo o resto foi sendo construindo até chegar o momento da Cura!

         O Espirito de Coragem segundo C.S.Lewis é demonstrado no momento que todas as virtudes são testadas. Coragem é usar o dom que recebemos no momento que este Dom se faz mais necessário!

         É fácil ser corajoso quando não é necessário, é fácil ser honesto quando não é necessário. É fácil ser puro quando não tem outras tentações. É fácil ser bom quando ser bom é fácil. Mas quando vem o teste! Daí é necessário ter CORAGEM! Ser bom quando tudo conspira contra. Ser honesto quando tudo em volta é corrupção. É difícil ser justo quanto nada ao redor é justo. Eu e você temos dificuldade de amar quando dói, aí quando as fichas estão na mesa, o que eu faço?

         Jesus nos traz esta semana a meditação sobre o Bom Pastor e o Mau Pastor. O Mau Pastor vem e se apresenta na hora de chegar e de sair, mas se as ovelhas necessitam dele fora deste horário perecerão. Jesus é o Bom Pastor e está sempre presente quando é necessário! Mau pastor não é pastor. Somente o Bom Pastor é capaz de lutar, de batalhar por nós.

         Quando na sua vida você precisou mais que Jesus lutasse por você? Quando nossas forças eram tiradas, quando a doença nos tirou das lutas diárias, quando nos tornamos enfraquecidos por tantos motivos.

         O Espirito de Jesus é um espirito de Coragem! Espirito Santo é como exercitar os músculos, quanto mais nos alimentamos dele mais fortes vamos ficando. Isso parece quando praticamos certos esportes que causam tanta dor, mas o que vale é a superação! Muitos de nós hoje estamos encarando uma situação que diante dos nossos olhos já está escrito que vai doer, mas que sempre vale encarar! Eu posso passar por aí! Seja fazer uma prova final, seja desmontar o local que você habita hoje! Arrumar lugares que necessitam que nós mesmo façamos! Fazer uma cirurgia necessária, mas que vamos evitamos e até mesmo ir ao médico. Tudo isso é tão doloroso algumas vezes, mas que eu posso encarar e vencer.

         Pratique todos os dias a Coragem fazendo algo que você sabe que tem que fazer, de uma oração pessoal diária focada, de arrumar alguma coisa na sua vida pessoal, no seu relacionamento, na ajuda a certos amigos difíceis. Não deixe os momentos da sua vida passar e por falta de coragem as coisas acontecem . Pense estamos vivendo num tempo onde muitas pessoas estão ficando inúteis por fazerem a opção de não fazer nada! Mas quando as fichas estão sobre a mesa, não haverá mais tempo para estar preparado para  a correta decisão, e a derrota será inevitável.

         Um amigo me contou que trabalha numa empresa, e que muitos executivos vêm a ele perguntar o que ele fez no final de semana, e ele sempre conta suas aventuras com a família e os programas cristãos. O interessante é que inicialmente, as pessoas meio que ficaram chocadas com ele, mas hoje, quando eles têm um problema sério na vida, pedem a ele para conversar após o trabalho, pois sendo Cristão e pelo seu exemplo e pela sua coragem anseiam por uma resposta em algo sério em suas vidas, mas que não pediriam a opinião de pessoas que não demonstram fé! Aqui está CORAGEM de ser o que você é , não importando onde você estuda hoje ou trabalha! Não tenha medo de apresentar seu dom no momento que seu Dom é muito necessário! Isso é CORAGEM!

         Perguntando sobre o que fez no último final de semana por seus amigos, não deixe de dizer que você foi a Missa, ao Encontro, a partilha, a convivência com irmãos de Fé, essa é a Sua Profissão Fé e de CORAGEM e o mundo saberá quem são os autênticos Filhos de Deus, amados de Deus, e assim os dons fluirão de suas mãos como fluem das mãos de André, pois não é André que vive, mas o Próprio Cristo que habita nele!

        

        

 

Oremos: Abbá (Pai) Amado, olhe para seus filhos que hoje se encontram amedrontados, afugentados, acorrentados pelas fantasias do mundo! Senhor venha com seu Espirito Santo nos libertando, nos curando, nos convertendo! Senhor libera em nós nossos dons e o Espirito de sermos destemidos a anunciar que Jesus está vivo e Ele está no meio de Nós! Que a Sua Palavra guie nossos lábios para que possamos dizer as palavras que o Senhor colocar em nossa boca! Que tudo que façamos seja para maior honra de Glória de Ti. Deus de AMOR!

Pai em tuas mãos entrego meu coração! Cura-me Senhor, Liberta-me, Restaura-me Senhor!  Amém

Glória a ti Senhor nos mais alto dos Céus agora e para sempre, por todos os séculos dos Séculos. Amém!