Iniciamos hoje a “Campanha de Oração” por nossa Nação junto com Nossa Senhora

Como cristãos católicos trazemos conosco as devoções marianas que são meios eficazes em nossa vida de oração cotidiana. 

A nossa nação esta sucumbindo politicamente, economicamente e precisamos nos colocar na brecha fazendo uso dessa arma simples que todos nós trazemos conosco, “O TERÇO”.

Diante do atual momento da nossa história, apresento alguns fatos pertinentes no qual o exercício da devoção à oração do Santo Terço nos ajudará a compreender o caminho que estaremos trilhando nesse tempo:

 

Em um dos seus atendimentos de exorcismo Pe. Gabriele Amorth relatou a confissão do demônio com relação a oração do Terço, disse o demônio, “cada Ave Maria é como um GOLPE na minha cabeça, se os cristãos soubessem quão poderoso é o terço, seria meu fim”! 
O Papa Pio IX disse: “Se eu tivesse um exercito para rezar o Terço, eu poderia CONQUISTAR o mundo”!
O Papa Leão XIII disse: “O Rosário é uma forte arma espiritual contra o mal”!
Na batalha de Lepanto (1571), quando os Turco Otamanos iriam tomar a Europa, o Papa Pio V fez uma convocação pois o exército vaticano era pequeno em vista do INIMIGO, mais o Papa convocou os Católicos a REZAR o TERÇO, e aquele pequeno exército da Igreja VENCEU, a VITÓRIA aconteceu no dia 7 de Outubro o qual ficou conhecido como o dia de Nossa Senhora das Vitórias.
Existe um relato que no dia 06/08/1945, quando os EUA lançou a bomba em Hiroshima, e todos os prédios foram derrubados matando muitos com o impacto e outros pela consequência da radiação, um prédio Católico dos jesuítas, dedicado a Nossa Senhora da Assunção, resistiu ao impacto e pelo menos 4 Jesuítas SOBREVIVERAM. Eles mesmo relatam “Nós acreditamos que sobrevivemos porque estávamos vivendo a Mensagem de Fátima. Nós vivíamos e rezávamos o ROSÁRIO todos os dias naquela casa”. Cientistas os pesquisaram por mais de 30 anos porque não foram contaminados e nem adoeceram com a explosão da bomba atônica.
Isso para entendermos o PODER DA ORAÇÃO.

 

 

Estamos enfrentando um tempo bem difícil, por isso, a partir de HOJE, vamos rezar um TERÇO por dia pela nação Brasileira. Vamos a partir de hoje rezar o terço e o Brasil vai mudar pelo PODER DA INTERCESSÃO. 
Precisamos nos posicionar, reze em casa, com a família, sozinho no trajeto diário, oferecendo todos os dias a oração do Terço pela TRANSFORMAÇÃO política, econômica e espiritual do nosso Brasil. Uma oração interrupta nos trará a VITÓRIA que precisamos pela intercessão de Nossa Senhora.

 

 

Em 2016 no Encontro da Profecia do Avivamento Deus nos deu a inspiração de começarmos um mover que chamamos de “TORRES DE ORAÇÃO”, pessoas que se unem em oração pela nação, homens e mulheres que estão orando pela cidade, estado e a Nação. Você quer participar? Se una a nós pois veremos nossa nação TRANSFORMADA.

 

 

Veja também:

Saiba como rezar o terço

A oração do Santo Rosário nos aproxima da Virgem Maria

A importância da oração do Rosário em família

As promessas de Nossa Senhora a quem reza o rosário

 

É possível esta 24 horas em oração, promover a oração de intercessão por tantas realidades que nos rodeiam.

Queridos irmãos em Cristo Jesus
Paz e bem!

“Tenho Sede” (João 19, 28). Para nós esta expressão traduz-se em: Projeto Dai-me Almas (Dai-me almas e ficai com o resto). 
Há várias formas de salvar as almas, todos nós sabemos, dentre elas a oração de intercessão, a exemplo de Abraão, que com “o coração sintonizado na compaixão de seu Senhor pelos homens, ousa interceder por eles com ousada confiança” (CIC 2571).
Ontem a mídia exibiu ao longo do dia a prisão do mais famoso e poderoso chefe do tráfico do Rio de Janeiro, conhecido como “Nem”. Ele tem apenas 35 anos, é jovem, os olhos brilhantes e cheio de alegria. Eu entendi naquele olhar tão vivo ele dizendo-me: Eu quero ver Jesus, como os gregos rogaram a Filipe: “Queremos ver Jesus”(Jo 12,21).
Eu percebi Deus falando comigo ontem, mas sei que sozinha não sou capaz e preciso da ajuda de cada um de nós para promovermos urgentemente pela oração de intercessão o encontro pessoal dele com Jesus. Eu sei que todos os dias morrem traficantes: já é algo comum e a vida deles não tem valor aos olhos humanos, porque representa um mal para a sociedade, mas o coração misericordioso de Jesus tem sede destas almas, porque o desejo de Deus é que nenhum se perca e sei que também este é o nosso desejo.

 

Ofereçamos as nossas orações e os nossos sacrifícios pela conversão desta alma tão preciosa para Deus. Façamos esta rede de intercessão 24 horas. Acredito que você esteja se perguntando: Como vou orar vinte e quatro horas, tenho mil e uma ocupações para realizar?. “Orar é sempre possível: o tempo do Cristão é o de Cristo ressuscitado que “está conosco todos os dias”(Mt 28,20), apesar de todas as tempestades . Nosso tempo está nas mãos de Deus: É possível até no mercado ou num passeio solitário fazer uma oração freqüente e fervorosa. Sentados em vossa loja, comprando ou vendendo, ou mesmo cozinhando. A invocação do Santo Nome de Jesus é o caminho mais simples da oração contínua. Muitas vezes repetida por um coração humildemente atento, ela não se dispersa numa torrente de palavras” (CIC 2743 e 2668).

 

Um dia, numa homilia, São João Maria Vianey exclamou: “Conheço um homem mais poderoso que Deus”! Como todos se perguntavam quem podia ser esse Super homem, o santo acrescentou: “É o homem que reza”. Explicou então que o homem que reza tem poder sobre o coração de Deus, pode fazê-Lo mudar os Seus planos!
Se pela oração sincera e humilde de uma só pessoa Nosso Senhor pode mudar os rumos da humanidade, imagine o que acontecerá com uma multidão de homens e mulheres unidos em oração em um só coração e em uma só alma, formando uma verdadeira rede de oração, cumprindo o que nos pede a palavra do Senhor: “Orai sem cessar”(I Ts 5,17). Que incrível capacidade tem a nossa oração!

 

Podemos até nos perguntar: O que acontece no céu e na terra quando nos colocamos em intercessão vinte e quatro horas? 
Não podemos nem imaginar o poder da menor de nossas preces quando estas são feitas com sinceridade e confiança em nosso bom Deus! Unidos ao Senhor, em oração, tudo muda.
A Madre Teresa de Calcutá ensina-nos que: “A oração não exige que interrompamos nosso trabalho, mas que o continuemos como se fosse uma oração. Não é preciso estar sempre a meditar, nem a ter conscientemente a sensação de que estamos falando com Deus, por mais agradável que isto possa ser. O que importa é estar com Ele, viver n’Ele e em Sua vontade. Amar com um coração puro, amar a todos, especialmente amar os pobres, é uma oração de vinte e quatro horas”.
Eu creio num mundo melhor pela força da oração. Vamos crer juntos? 
Oremos meus irmãos, para que as alminhas que estão perdidas encontrem-se com Jesus. Realizemos esta caridade espiritual.

 

Unidos no Senhor. Deus os abençoe.

Vanúsia Maria do Espírito Santo Cerqueira
Comunidade Canção Nova

 

Veja também:

Oração Contra o Malefício

Oração de Libertação

Follow @ax_cn

 

 

Nada esta realmente morto se olhar do jeito certo

                       Foto Praia de Nazaré – Portugal by AXCN

É a certeza que envolve meu coração. Na vivência da fé trago a convicção de que um dia estaremos todos juntos na presença de Deus. Direciono o meu olhar e vislumbro um caminho árduo mais certeiro que me fará chegar na vida verdadeira alcançada por Cristo na Cruz. E ao olhar o crucifixo percebo que não é o fim, chego ao dia de finados alimentando a certeza que vivemos a passagem entre a Igreja militante e a Igreja triunfante.

É uma graça para nós que trilhamos esse caminho de santidade e busca da vontade de Deus unirmos nossa oração em favor das almas e por elas também sermos beneficiados pela intercessão daqueles que nos precederam.
Temos em nosso favor a intercessão dos santos: 

A intercessão dos santos. “Pelo fato de os habitantes do Céu estarem unidos mais intimamente com Cristo, consolidam com mais firmeza na santidade toda a Igreja. Eles não deixam de interceder por nós ao Pai, apresentando os méritos que alcançaram na terra pelo único mediador de Deus e dos homens, Cristo Jesus. Por conseguinte, pela fraterna solicitude deles, nossa fraqueza recebe o mais valioso auxílio”: Não choreis! Ser-vos-ei mais útil após a minha morte e ajudar-vos-ei mais eficazmente do que durante a minha vida. (Catecismo da Igreja Católica 956)

cadastre-se grátis e receba todas as novidades do blog por e-mail

 

Pela fé direciono o meu olhar e não perco de vista a ação da graça dispensada a mim que todos os dias me faz superar as limitações e fraquezas. Convido você nesse dia a ampliar sua visão, contemplar o sol por trás das nuvens e experimentar o renovo em sua alma. Hoje renovo minha fé recorrendo a intercessão da minha filha Laura Maria para que você também seja alcançado por esse ânimo novo. Laura Maria tendo passado seis meses no ventre e duas horas de vida me fez retomar em meio a toda situação que o mais importante é SER DE DEUS!

Ser de Deus porque fora dele não há vida verdadeira. Ser de Deus porque o Senhor virá. SOMOS DE DEUS pois temos observado que fora Dele a vida não tem sentido e o mundo sem Deus esta abraçando a própria destruição. Nada esta realmente morto quando olho do jeito certo, por isso fixo o meu olhar para frente.

“Que teus olhos vejam de frente e que tua vista perceba o que há diante de ti! Examina o caminho onde colocas os pés e que sejam sempre retos! Não te desvies nem para a direita nem para a esquerda, e retira teu pé do mal.” (Provérbios, 4, 25-27)

Olhar do jeito certo e contemplar a “herança incorruptível, incontaminável e imarcescível, reservada para vós nos céus; para vós que sois guardados pelo poder de Deus, por causa da vossa fé, para a salvação que está pronta para se manifestar nos últimos tempos. É isto o que constitui a vossa alegria, apesar das aflições passageiras a vos serem causadas ainda por diversas provações, para que a prova a que é submetida a vossa fé (mais preciosa que o ouro perecível, o qual, entretanto, não deixamos de provar ao fogo) redunde para vosso louvor, para vossa honra e para vossa glória, quando Jesus Cristo se manifestar. Este Jesus vós o amais, sem o terdes visto; credes nele, sem o verdes ainda, e isto é para vós a fonte de uma alegria inefável e gloriosa, porque vós estais certos de obter, como preço de vossa fé, a salvação de vossas almas.” (I Pedro 1, 4s)

Olhar do jeito certo e viver como se o Senhor viesse hoje!

Veja também:

O aborto do Espírito Santo

O medo é uma arma do demônio

Você nasceu para ser estrela

Dai-me almas e ficai com o resto

Follow @ax_cn

 

 

Diante das realidades difíceis que nossa nação tem vivido elevaremos a Deus um grande clamor de intercessão e de jejum.
É uma CONVOCAÇÃO para unir o maior número de pessoas nessa causa vivendo 21 dias de clamor e o jejum de Daniel pela nossa nação. Ninguém é bom sozinho e precisamos está unidos como os dois servos que seguraram os braços de Moisés: Quando os braços de Moisés ficaram cansados, Arão e Hur pegaram uma pedra e a puseram perto dele para que Moisés se sentasse. E os dois, um de cada lado, seguravam os braços de Moisés. Êxodo 17. 12

Nessa convocação unamos o maior número de cristãos na certeza de que estaremos intercedendo pela nossa nação. Trago um breve histórico sobre o Jejum de Daniel e o roteiro para esse nosso tempo de intercessão.

Naqueles dias eu, Daniel, fiz penitência durante três semanas. Não provei alimento delicado algum: não passou em minha boca nem carne nem vinho, não me ungi de óleo absolutamente durante o transcurso dessas três semanas.” (Dn 10, 2-3) Temos o exemplo clássico de um “jejum parcial”, realizado em meio às atividades do dia-a-dia, com o propósito de alcançar de Deus a graça oportuna. Os demais versículos deste capítulo de Daniel, mostra o culminar deste jejum. O anjo do Senhor visita Daniel com uma revelação indispensável a respeito das batalhas que se travam nas regiões celestes (versículos 13-22).

O próprio Senhor, em sua visita, assegura com palavras encorajadoras a eficácia de seu jejum e penitência:
“Não temas, Daniel, porque desde o primeiro dia em que aplicaste teu espírito a compreender, e em que te humilhaste diante de teu Deus, tua oração foi ouvida, e é por isso que Eu vim.” (v. 12). Daniel dedicou três semanas completas (vinte e um dias) ao jejum e à oração. O tempo dedicado ao jejum é reservado para buscar o Senhor, mesmo em meio às atividades cotidianas. Somos convocados a intensificar nossa comunhão com o Senhor.
Precisamos ter atenção também que um jejum sem propósito definido é como vagar num túnel escuro, sem se saber de onde vem ou para onde vai. Assim, de maneira especial nesse tempo estamos pedindo o Avivamento das Famílias além é claro das suas intenções particulares, pois Deus não se deixa vencer em generosidade.
Como faremos nosso Jejum?
Por três semanas (vinte e um dias), somos convocados a um jejum parcial.
Será um tempo de maior oração e dedicação ao Senhor.
Durante este tempo, evitaremos alimentos pelos quais buscamos mais saciar nosso gosto do que as necessidades reais do nosso organismo (doces, refrigerante, excesso de frituras ou outros alimentos que constituam hábitos alimentares aos quais estejamos apegados).
Pode-se escolher duas opções: ou iniciar a alimentação diária só a partir das 12h, ou simplesmente cortar uma das refeições do dia. Aqui faço uma observação básica, não podemos descontar na próxima refeição o que oferecemos na anterior.

Roteiro para a oração pessoal nos dias de jejum:

1° Dia: Eclo 18, 7-14 (reconhecimento da nossa maldade e presunção em querer o auxílio de Deus sem Sua providente ajuda);
2° Dia: Joel 2, 12-14 (chamamento ao arrependimento);
3° Dia: Joel 2, 15-18 (convocação para oração e êxito do propósito);
4° Dia: Zacarias 13, 1-9 (jorrará uma água que lavará nossos pecados, impurezas e mentiras e o fogo nos purificará e nos provará para voltarmos a ser o povo de Deus);
5° Dia: II Crônicas 7, 13-18 (promessas de bênçãos se os requisitos forem preenchidos);
6° Dia: II Crônicas 7, 19-22 (promessas de ruínas, desgraças se desviarmos da vontade do Senhor);
7° Dia: Apocalipse 2, 1-7 (diante de um declínio espiritual, mediante ao arrefecimento do primeiro amor, Deus nos exorta a voltar às primeiras obras);
8º Dia: Ezequiel 22, 1-16 (ataque a violência e a idolatria da cidade sanguinária);
9º Dia: Ezequiel 22, 17-22 (descrevem Israel como escória, algo desprezível e sem valor);
10º Dia: Ezequiel 22, 23-31 (condena os erros dos profetas, sacerdotes, os chefes, e o povo da terra que adotou modos pecaminosos. Assim, a destruição de Jerusalém é inevitável, devido à corrupção geral da cidade);
11º Dia: Ezequiel 18, 25-32 (Deus não sente prazer com a morte de ninguém, deseja, antes, a conversão do seu povo);
12º Dia: Isaias 59, 1-3 (o obstáculo a ser removido é o pecado);
13º Dia: Oséias 10, 12 (enquanto tiver maldade encoberta, Deus não vai operar);
14º Dia: Isaias 64, 1-4 (é hora de pedir a manifestação dos céus sobre a terra);
15º Dia: Jeremias 33, 2-3 (para que o Senhor responda, precisa, antes, ser invocado);
16º Dia: João 14, 12-14 (aquele que crê no Senhor, fará grandes obras);
17º Dia: Lucas 16, 19-31 (Deus não quer o remorso do seu povo, Ele deseja a verdadeira contrição por meio do arrependimento);
18º Dia: Provérbios 28, 13 (há recompensas especiais para quem confessa seus pecados);
19º Dia: 1Coríntios 11, 23-34 (o cuidado em examinar a si mesmo);
20º Dia: 1Pedro 4, 12-19 (o julgamento começará primeiro pela casa de Israel);
21º Dia: Daniel 9, 4-19 (faça um exame de consciência minucioso em cima dos 10 mandamentos e os 7 pecados capitais e faça uma confissão escrita, a exemplo do profeta Daniel, pois os profetas não somente exortavam os outros a que orassem e confessassem, mas eles mesmos se dedicavam a fazer).

Nos encontramos diariamente na oração.

Deusbençoe muito o seu propósito!

Veja também:

O aborto do Espírito Santo

Oração Contra o Malefício

Oração de Libertação

O medo é uma arma do demônio

Follow @ax_cn