tempo-para-cada-coisa

Para mim, esse texto do livro do Eclesiastes é um dos mais sinceros e impactantes. Sempre que ouço pergunto-me: “Em qual tempo estou vivendo? O que tenho feito da minha vida que é única? Se Jesus voltar agora conforme ele prometeu, como Ele encontrará meu coração?”

Para tudo há um tempo, para cada coisa há um momento debaixo dos céus:
tempo para nascer, e tempo para morrer; tempo para plantar, e tempo para arrancar o que foi plantado;
tempo para matar, e tempo para sarar; tempo para demolir, e tempo para construir;
tempo para chorar, e tempo para rir; tempo para gemer, e tempo para dançar;
tempo para atirar pedras, e tempo para ajuntá-las; tempo para dar abraços, e tempo para apartar-se.

Tempo para procurar, e tempo para perder; tempo para guardar, e tempo para jogar fora;
tempo para rasgar, e tempo para costurar; tempo para calar, e tempo para falar;
tempo para amar, e tempo para odiar; tempo para a guerra, e tempo para a paz.

(Eclesiastes 3,1-11)


 Nota: Aproveite e assista a homilia “Mude de vida enquanto há tempo” realizada pelo Padre José Augusto. 


Que Deus nos abençoe.

Cleber Rodrigues
Comunidade Canção Nova