São Luís Maria Grignion de Montfort, no segundo capítulo do Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem, nos fala das cinco verdades fundamentais da consagração total a Virgem Maria.

Quais são as verdades fundamentais da consagração a Maria?A primeira verdade fundamental da verdadeira devoção a Virgem Maria é que Jesus Cristo é o fim último desta consagração total. Esta devoção nos une mais perfeitamente a Jesus. São Luís Maria chega a dizer que a consagração é “indispensável para encontrar perfeitamente Jesus Cristo, para o amar ternamente e servir com fidelidade” (TVD 62). O Santo de Montfort afirma que Maria está de tal modo transformada em Cristo, pela graça, que já não vive nem existe. Jesus é que vive e reina n’Ela, mais perfeitamente que em todos os anjos e bem-aventurados. Ela ama o Senhor, mais ardentemente e O glorifica mais perfeitamente que todas as outras criaturas juntas (cf. TVD 63).

Receba o conteúdo deste blog gratuitamente em seu e-mail.

A segunda verdade fundamental desta devoção é que, pela consagração total a Virgem Maria, pertencemos inteiramente a Jesus Cristo, como Seus membros e escravos (cf. TVD 68), comprados pelo preço do Seu sangue (cf. 1 Cor 6, 19-20). Antes do Batismo, pertencíamos ao diabo como seus escravos, mas, ao receber este sacramento, tornamo-nos verdadeiros escravos de Jesus Cristo. Nossa vida pertence inteiramente a Ele (cf. Rm 7, 4) , por isso, devemos glorifica-lo em nosso corpo (cf. Rm 12, 1) e Ele deve reinar em nossa alma. Na qualidade de escravos, pertencemos a Jesus por toda a vida (cf. TVD 69). Ele se fez escravo por nosso amor (Fl 2, 7), e da mesma forma, a Santíssima Virgem se fez serva e escrava do Senhor (cf. Lc 1, 38) . Como cristãos, pertencemos mais perfeitamente a Jesus Cristo e à sua Santa Mãe através da escravidão voluntária.

Segundo São Luís, a terceira verdade fundamental da consagração a Maria é que “as nossas melhores ações são ordinariamente manchadas e corrompidas pelo mau fundo que há em nós” (TVD 78). Por isso, devemos esvaziar-nos do que há de mau em nós . Mas, para isso, precisamos conhecer bem, pela luz do Espírito Santo, o nosso fundo mau, a nossa fraqueza, a nossa permanente inconstância, a nossa indignidade de toda a graça, a nossa iniquidade (cf. TVD 79). Tudo isso é consequência do pecado original. Além disso, os pecados que cometemos, mortais ou veniais, mesmo que tenham sido perdoados em confissão, aumentam em nós a concupiscência, a fraqueza, a inconstância e a corrupção, deixando maus vestígios na nossa alma (cf. TVD 79). Em vista disso, devemos morrer para nós mesmos e escolher a devoção que mais nos ajude. (cf. TVD 81-82).

A quarta verdade fundamental é que precisamos de um mediador diante do único Mediador entre nós e Deus, que é Jesus Cristo. “Ele viu-nos indignos e incapazes, teve piedade de nós, e, para nos dar acesso às suas misericórdias, proporcionou-nos intercessores poderosos junto da sua grandeza” (TVD 83). Dentre esses intercessores, dizia São Bernardo que “Maria Santíssima é a pessoa mais capaz de desempenhar esta função caridosa” (TVD 86).

A quinta verdade fundamental desta devoção é que para nós é muito difícil conservar a Graça e os tesouros recebidos de Deus . Tal dificuldade está ligada às fraquezas e inconstâncias de nossa alma. Além disso, “os demônios, que são ladrões muito finos, querem apanhar-nos de improviso, para nos roubar e despojar” (TVD 88).

Depois de conhecer as verdades fundamentais da consagração total a Virgem Maria, reconhecemos que esta devoção tem Jesus Cristo como fim último e que por esta nos fazemos escravos Dele e de sua Mãe. Precisamos dessa consagração por causa de nossas fraquezas e porque necessitamos de Maria como mediadora entre nós e Jesus Cristo. Esta devoção também nos ajuda a conservar os tesouros da graça que recebemos, mas facilmente perdemos por causa de nossas fraquezas ou porque são roubados pelo Inimigo.

Leia também:

A necessidade da verdadeira devoção a Maria.

6 Comentários

  1. Peça a Mãe que o filho atende!! Mãe tu es a porta do céu!!!

  2. Ruth Kiel Olivorr

    Junto de Nossa Senhora, encontramos Jesus e, com segurança poderemos enfrentar as adversidades dessa vida, na graça do Espírito Santo. ***Focando, as cinco verdades da Consagração Á Nossa Senhora, encontramos a LUZ, nas situações da vida onde ainda existe escuridão ou penumbra. ***Nossa Senhora, Mãe de Jesus e nossa Mãe,cuida de nós! Amém.

  3. Nossa Senhora ,mãe de Jesus e nossa mãe,guarda-nos sob Vosso Manto Sagrado, nesta e na outra vida, e mostra-nos Jesus Cristo com a Luz do Espírito Santo Amém. Enauriá Franco.

  4. Nossa Mãezinha Maria está comigo todo tempo me guiando para junto do seu filho amado Jesus. Devo toda minha vida, a minha salvação ao Divino Pai Eterno, A jesus e Maria e Espírito Santo. Fico muito triste quando sinto que pessoas amigas que amo muito e que também são de Deus, mas por causa da religião que seguem, não reconhecem Maria como Mãe de Jesus. Não tenho argumentos necessários para combater e defender nossa Mãezinha. Rogo a Ela e ao nosso amado Redentor que envie sabedoria para que as pessoas possam ter esse entendimento sobre a Mãe Rainha. Amém!

  5. Ó santa escravidão de amor que nos torna livres! Serei toda tua ó Imaculada ♥

  6. Eu já tive a oportunidade, de sentir a presença de Nossa Senhora. Amém !

Deixe uma resposta para Ronaldo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com