Este é o testemunho de Caio, uma de nossas crianças, daquilo que ele experimentou com a consagração ao Pai por Maria.

A consagração de Caio a Virgem MariaNo dia 13 de maio de 2012, uma criança, o Caio Basile de Oliveira, de 8 anos, juntamente com 18 crianças se consagrou, aqui na Canção Nova, como escravo de Maria, segundo o livro “Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem”, de São Luís Maria Grignon de Monfort. Esta criança, como as outras, se preparou durante 33 dias para este momento, conforme o material disponibilizado para as crianças da comunidade Arca de Maria. No início da preparação, ele fez dois pedidos a Nossa Senhora de Fátima: o primeiro pedido foi fazer a primeira comunhão, pois desde os 3 anos ele pedia para comungar, aos 4 anos entrou na fila da comunhão e se ajoelhou diante do padre, que ministrava Jesus, e erguendo as mãos disse docemente a Jesus: “Vem Jesus, vem ficar no meu coração!” Depois disso voltou para o banco comungando espiritualmente; o segundo pedido foi de conhecer o Papa no dia 10 de julho de 2013.

Receba o conteúdo deste blog gratuitamente em seu e-mail.

Depois da consagração, alguns dias depois, ele serviu o altar na Santa Missa, pois o mesmo já era coroinha e, providencialmente nesta missa, estava celebrando o nosso querido Bispo Dom Beni. À medida que o Bispo ia se paramentando, o Caio começou a chorar de emoção, pois viu ali a oportunidade de se realizar o grande sonho da primeira comunhão. Foi então que o Bispo compadecido dele perguntou o porquê estava chorando e o menino Caio, olhando para o bispo, com os olhos cheios de lágrimas perguntou para ele: “Bispo deixa eu fazer a primeira comunhão?” e o Bispo lhe perguntou: “Mas você está preparado meu filho?” e o Caio inocentemente respondeu: “Sim, só falta me confessar!”. Então, o Bispo pediu ao Padre que estava ali para, o mais rápido possível, preparar o dia de sua primeira comunhão.

A consagração de Caio a Virgem MariaO Caio teria que esperar 2 anos para fazer a sua primeira comunhão, mas com a graça de Deus e a intercessão de Nossa Senhora, que não resiste ao pedido dos mais pequeninos, providenciou tudo para que a primeira comunhão do Caio acontecesse na Paróquia de Santo Antônio. No ano seguinte, Caio ganhou uma relíquia de Frei Galvão de presente. Digo isso porque foi este um dos maiores sinais do Céus na vida do Caio, que confirma ser este Santo o seu “Padrinho Espiritual”.

No ano seguinte, aconteceu no Brasil a Jornada Mundial da Juventude (JMJ 2013), no Rio de Janeiro. Sua mãe Andrea Basile de Oliveira, sabendo que a cidade ficaria muito cheia e que seria muito difícil levar uma criança para outro estado, em meio a uma multidão de jovens, orou pedindo a Nossa Senhora a providência no impossível, para que o Caio conhecesse o Papa Francisco. Foi então que a agenda da JMJ 2013 foi alterada e Nossa Senhora trouxe o Papa, nada mais nada menos que para a casa dela, bem próximo da casa de seu filhinho predileto Caio, na Basílica Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil!

No dia anterior a visita do Papa Francisco, a mãe do Caio foi até a Basílica de Aparecida com ele e seus dois irmãos Isabel de 7 anos e Raphael de 9 anos , levando consigo uma mochila com cobertas e alimentos para passar a noite na fila e assistir a Santa Missa no interior da Basílica. E, de fato, conseguiram entrar e providencialmente ficaram próximo ao corredor da procissão de entrada. Ali, encontrou alguns Freis, com os quais a mãe do Caio partilhou o seu pedido da consagração de conhecer o Papa, e emocionados pediram as pessoas que ali estavam, passagem para que o Caio chegasse ao corredor, mas as pessoas não se compadeceram e não permitiram. Foi então, que os Freis bravos falaram alto pela terceira vez com o povo e o segurança os ouviu e deu ordem para que passassem o Caio por cima para que ficasse com ele na grade. Na hora que o Santo Padre entrou na procissão de entrada, ficou lado a lado com o Caio, e o Caio ficou em estado de choque, muito emocionado chorava de alegria, pois finalmente poderia conhecer o Papa. Apesar de não ter sido dia 10, foi no mês de Julho de 2013, mostrando a todos nós quão prediletas são as crianças e como são caras suas orações ao coração do Pai do Céu e de Maria.

A consagração de Caio a Virgem Maria“A oração das crianças salvará o mundo!”, dizia São Pio de Pietrelcina. Hoje, o Caio faz parte do Movimento Eclesial Armada Branca, no qual é um pequeno apóstolo de Maria, que serve no Ninho de Oração. Neste, ele reza o Terço juntamente com outras crianças, para ajudar Nossa Senhora na intercessão pela Paz do Mundo, pela conversão dos pecadores, pelas crianças não nascidas. Essas crianças também oferecem-se a Deus Pai por Maria com pequenos sacrifícios, na mesma espiritualidade dos três pastorinhos de Fátima.

Que possamos cada vez mais cuidar de nossas crianças, obedecendo a ordem de nosso Mestre, Jesus: “Deixai as crianças virem a mim. Não as impeçais, pois delas é o Reino de Deus” (Mc 10, 13-14).

Andrea Basile de Oliveira – Cachoeira Paulista (SP).

 

18 Comentários

  1. Ariane barroso dos santos

    muitoo lindoooooooooooooooooo emocionante esse testemunhoo….que nossa senhora conduza acada dia os passos do caiooo e que ele continue esa criança de Deusss…choreii mt mt quandoo liiiiii..

  2. Que lindo.. Testemunho emocionante.. Realmente a oração de uma criança é capaz de mudar muita coisa!!

  3. muito lindo . esse menino é um enviado de DEUS , …senhor cuide dele…e todas as crianças

  4. rosineide s santos

    isso e que é ter FÉ e PAIXÃO por JESUS EUCARISTICO e o resto DEUS PAI PROVIDENCIA,AMÉM que essa criança ore a DEUS por nós

  5. Maria Luiza da Silva Coelho

    Como é gratificante ler um testemunho tão cheio de pureza e devoção. O amor latente a Jesus e sua mãe Maria é uma moção espiritual tão espontânea e verdadeira, que podemos até profetizar que será um grande sacerdote. Que a Trindade Santa o proteja e o faça muito feliz!

  6. joao antonio da silva

    Amem,Fiquei emocionado com o testemunho de CAIO. Deua abençoe esta familia !!!

  7. José Vieira Baixote

    Muito lindo a história de caio,quero dizer que eu tambem fiz a primeira comunhão com oito anos de idade,mas já se faz 52 anos hoje estou com 60 anos !!!

  8. Olá também sou escravo de Jesus por Maria, maravilhoso testemunho de fé, desta maravilhosa criança, já nesta idade nos mostra uma bela fé, um caminho de fé lindo. Parabéns Caio, Deus vos abençoe e Maria vos guarde.

  9. Maria de Fátima Ferreira da Silva

    Fiquei muito emocionada pós Maria e nossa mãe e em todos momento difícil de minha vida ela sempe esteve presente. Me guiando para o meu encontro com Jesus. pós perdi a minha mãe aos 7 anos e Maria foi minha maizinha como eu sei sempre que eu estava perdida rezava o terço os sinais foram meu nome e Maria de Fátima meu filho nasceu de 8de de outubro na semana da criança que rezar a novena de nossa sr Aparecida e casei no dia 27 de naio meis mariano minha mãe Maria esteve sempre do nosso lado e sempre vai esta .moro em João Pessoa PB esta e um pouco de minha experiência com Maria.

  10. estevamsantossousa

    Muito bonito acredito que o senhor esta sempre nos corações destas crianças.que nossa mãe maria santíssima esteja em nosso lares.

  11. que jesus ilumine a mente de todas as crianças do mundo para serem como caio terem fé asim como ele parabens que lindo deus abençoe muito voces

  12. mauriceia ferreira alves

    muito lindo Caio esse amor que tens por Maria mãe de nosso senhor,creio que serais abêncoado,em nome de jesus.

  13. Rafael da Silva Andrade

    Deus ti abençoe Caio, Cristo ti faz digno de suas promessas.

  14. Enilda Rocha da Morta

    Fiquei tão emocionada ao ler a história do Caio que não contive as lagrimas.
    Que Deus continue abençoando sempre o Caio para que ele continue firme no seu propósito.

  15. shirley de oliveira costa

    lindo testemunho como é comovente o amor de Caio por Jesus e Maria…que ele conduza seus passos sempre, pequeno pastorzinho.Deus o abençoe e toda familia

  16. Lindo testemunho e é muito bom saber que conheço o Caio e sinto que quando estou na presença dele realmente é um garoto diferente!! Parabéns aos pais e Glória a Deus!!

  17. Ele fez a 1ª Comunhão sem preparação doutrinal? Isso não está claro no texto. Se for, é uma imprudência. A Sagrada Comunhão não é brincadeira! A criança deve saber Quem está recebendo e ter um mínimo de noção de doutrina e catecismos, que aprofundará depois, qdo for se preparar para a Crisma. Se isso de fato aconteceu, foi uma temeridade!!! Não existem atalhos justificáveis. Pode parecer bonita e emocionante a história, mas é um catolicismo capenga, feito às pressas e, mais cedo ou mais tarde, trará consequências. Pelo andar da carruagem, conhecendo as aulas de catecismo que andam dando por aí, é fácil prever que esse gás todo um dia acaba – pq acaba! É uma graça que Deus dá e tira, para nos testar – e o que vai sobrar para esse pobre menino? Fotos com o papa? Ele vai se abanar com isso qdo surgirem – pq surgem! – as dúvidas e as noites escuras, os desertos d’alma. Sem doutrina, o católico perece!!!

    • Natalino Ueda

      Cara Giulia,
      O Caio fez a devida preparação para fazer a sua Primeira Comunhão. Sabemos da importância da preparação, não somente doutrinal, mas também espiritual para a recepção dos Sacramentos da Igreja. Por isso, jamais incentivamos que se deixe de fazer uma boa preparação, mas ao contrário, recomendamos sempre que se faça a preparação com zelo e dedicação. Agradecemos a sua preocupação. Deus te abençoe e a Virgem Maria seja sempre presença de Mãe em sua vida!
      Natalino,
      Blog Todo de Maria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com