São Luís Maria nos ensina que os verdadeiros consagrados devem fazer tudo em Maria.

Os consagrados são chamados a fazer tudo em MariaSão Luís Maria Grignion de Montfort, no “Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem”, ensina que os consagrados devem fazer todas as sua ações em Maria (cf. TVD 261). “Para bem compreender esta prática, é preciso saber que a Santíssima Virgem é o verdadeiro Paraíso Terrestre do Novo Adão, e que o antigo paraíso não era mais que a sua imagem. Pois há neste Paraíso Terrestre riquezas, belezas, raridades e doçuras inexplicáveis, que o Novo Adão, Jesus Cristo, aí deixou” (TVD 261). Neste paraíso, que é Nossa Senhora, Jesus encontrou as suas delícias durante nove meses, operou as suas maravilhas e ostentou as suas riquezas com a grandeza de um Deus. Este Lugar Santo, que é Nossa Senhora, é uma terra virgem e imaculada, da qual foi formado e se alimentou o Menino Jesus, sem qualquer mancha, pela ação do Espírito Santo que aí habita.

Receba o conteúdo deste blog gratuitamente em seu e-mail.

Neste Paraíso Terrestre, que é a Virgem Maria, “está verdadeiramente a árvore da vida, que produziu Jesus Cristo, o fruto da vida; a árvore da ciência do bem e do mal, que deu a luz ao mundo” (TVD 261). Neste lugar divino , há árvores plantadas pela mão de Deus e regadas com a sua unção divina, que produziram e produzem ainda, cada dia, frutos de um sabor divino. Na Virgem Maria, há canteiros com as mais belas e variadas flores de virtudes, exalando aroma que perfuma os próprios anjos. Em Nossa Senhora, há prados verdes de esperança, torres invencíveis de força, casas encantadoras de confiança.

Somente o Espírito Santo pode dar a conhecer a verdade escondida sob estas imagens de coisas materiais. Respira-se em Maria “o ar puro e incontaminado de pureza; nele brilha o dia belo e sem mancha da santa humanidade; irradia o Sol jucundo e sem sombras da Divindade; arde a fornalha ardente e contínua da Caridade, em que todo ferro que é lançado abrasa-se, transformando-se em ouro” TVD 261). Neste Paraíso, há um rio de humildade, que brota da Terra e divide-se em quatro braços, banhando este lugar encantado. Este quatro braços do rio são as quatro virtudes cardeais (cf. Gn 2, 8-10; TVD 6).

Os Santos Padres chamam a Santíssima Virgem Maria de: “1º A Porta Oriental, por onde o grande sacerdote Jesus Cristo entra e sai do mundo (Ez 44, 2-3): Por Ela entrou a primeira vez, por Ela virá a segunda vez; 2º O Santuário da Divindade, o Repouso da Trindade Santíssima, o Trono de Deus, a Cidade de Deus, o Altar de Deus, o Templo de Deus, o Mundo de Deus” (TVD 262). Todos estes diferentes adjetivos e louvores são muito verdadeiros, pois dizem respeito às diversas maravilhas e graças que o Deus Altíssimo operou em Maria. “Oh! Que riquezas! Oh! Que glória! Oh! Que prazer! Oh! Que felicidade poder entrar e permanecer em Maria, onde o Altíssimo colocou o Trono da sua Glória Suprema!” (TVD 262).

Que grande maravilha é estar neste Santuário, que é a Virgem Maria, “mas como é difícil a pecadores como nós obter permissão e ter capacidade e luz para entrar neste lugar. Pois é tão alto e tão santo que é guardado, não por um querubim, como o antigo Paraíso Terrestre (cf. Gn 3, 24), mas pelo próprio Espírito Santo, que se tornou seu Senhor absoluto” (TVD 263). Por isso , o Espírito diz a respeito da Santíssima Virgem: “Tu és um jardim fechado, ó minha irmã e esposa, tu és um jardim fechado e uma fonte selada” (Ct 4, 12). “Maria está fechada e selada. Os miseráveis filhos de Adão e Eva, expulsos do Paraíso Terrestre, não podem entrar neste, senão por uma graça particular do Espírito Santo, graça que devem merecer” (TVD 263).

Quando obtemos esta grande graça, precisamos permanecer no interior de Maria, que é todo cheio de beleza. Devemos estar em Maria com alegria, descansar em paz, apoiar-nos confiadamente, esconder-nos com segurança e perder-nos sem reservas. Em Maria, seremos nutridos pelo leite da sua graça e da sua misericórdia maternal. Nela, somos libertados das nossas perturbações, temores e indecisões. Estaremos em segurança contra todos os nossos inimigos: o demônio, o mundo e o pecado, que em Maria jamais entraram. “Os que em espírito permanecem na Santíssima Virgem não cometerão pecados consideráveis” (TVD 264). Em Maria, seremos formados em Jesus Cristo e Jesus Cristo em nós, pois o seio de Maria é a Sala dos Sacramentos Divinos (cf. TVD 248), onde Jesus Cristo e todos seus os eleitos são formados.

2 Comentários

  1. Padre a 10 anos atrás eu sofri um acidente em uma casa de farinha a foice soltou do cabo e foi diretamente a meu pulso. Cortou os tendões e as veias, posso dizer que morri e ressuscitei Deus me deu minha vida novamente, foi muito difícil até chegar ao hospital descendo serra de moto com o rapaz e a tia do meu marido quando cheguei no primeiro hospital o médico tinha acabado de sair a enfermeira queria olhar a gravidade mais a tia do meu marido não deixou pois tinha parado o sangue no momento ai me colocaram em uma ambulância e me trouxeram para outro hospital chegou uma hora que meu coração não resistiu ele parou o motorista deu muito soco no meu coração e a tia dando tapa no meu rosto ele correu tanto que a ambulância acabou quebrando ela parou em frente da casa de um anjo ela emprestou o carro dela pra me levar ao hospital quando cheguei lá o médico prestou os primeiros socorros só que eu precisava tomar sangue e nesse hospital não tinha banco de sangue me levaram para outro hospital o médico falou agradeça primeiramente a Deus e segundo a mim porque você nasceu d’novo você vai para outro hospital não vai acontecer nada com você, vai sair daq com uma ambulância daqui e uma enfermeira lhe acompanhando só vai sair quando você for para a sala de cirurgia, você chegou aq com 2 por 3 de pressão e vai sair com 6 por 7 não se preocupe que não vai acontecer nada. Fiz a cirurgia e fiquei 15 dias com tala na mão depois me colocaram gesso, não foi fácil dependendo das pessoas para cuidar de mim e de minha filha, com 2 meses depois eu tive duas noticias uma ruim e a outra eu não sabia se era boa ou era ruim também, a ruim era que o médico falou que eu não ia ter meus movimentos de volta e a outra era que eu estava gravida. Fiquei sem saber oq fazer da minha vida se eu já dependia das pessoas pra cuidar de mim e da minha filha. Ai eu perguntei e agora senhor oq vai ser da minha vida? Chorei muito e comecei a assistir a missa de Cura e Libertação na Canção Nova e pedindo a Jesus Misericordioso, na quinta missa padre Edmilson deu minha cura, ele disse tem uma mulher que os médicos desenganaram falou que ela não teria mais seus movimentos na mão novamente só q na hora eu falei meu Deus não é pra mim pq ele não falou qual era a mão se era a direita ou a esquerda ai o padre repetiu a cura no momento Deus está curando uma mulher que sofreu um acidente e cortou o pulso ai eu ainda falei chorando meu Deus não é eu pois ele não falou com q eu cortei ai o padre repetiu a cura d’novo uma mulher cortou o pulso com uma faca ou foi foice em uma casa não sei se foi em casa ou no trabalho toma q a cura é tua ai Padre eu tomei a cura e estou eu aq hoje curada. Obrigada senhor por tu ter me curado.

  2. MARIA MIM PROTEJA SEMPRE AMEM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com