Padre Paulo Ricardo nos fala sobre o triunfo do Imaculado Coração de Maria e a vinda do Reino de Jesus Cristo.

Como podemos apressar a vinda de Nosso Senhor Jesus Cristo?A forma de apressarmos o triunfo do Coração Imaculado de Maria é fazer com que, pela santa escravidão, o nosso coração seja um coração no qual Deus triunfou, no qual Deus já reina. Isto é o que diz São Luís Maria Grignion de Montfort no “Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem“. O Reino de Deus é um reinado específico no meu coração. Esse método é extraordinário, porque ele vai apressando o Reino de Deus. Ele sabe da nossa fraqueza, o Diabo é esperto, mas Deus é sábio. Deus sabe que o triunfo acontecerá através dos pobres e humildes, não dos grandes e entendidos.

Como acontecerá esse triunfo? De que lado vamos estar quando ele acontecer?

Deus sabe que o triunfo acontecerá pelos pobres, como aqueles camponeses na França, que foram usados no triunfo. Assim, também nós seremos usados. O triunfo acontecerá no nosso país, no mundo inteiro. São os pobres e humildes, gente de terço na mão. Não precisa ter cursos de teologia, nem grande sabedoria. Ponha esse arsenal nas mãos da Virgem Maria, ela triunfará. Esta certo, não há dúvida, Deus reinará, o coração de Maria triunfará. Essa é a nossa certeza.

O que não é certo ainda é de que lado você estar quando o triunfo acontecer. De que lado vamos estar quando acontecer o triunfo e a confusão dos esaús. Quando Esaú ficar sem primogenitura, você será Jacó? Então obedeça a Rebeca, deixe ela modelar, faça tudo que ela diz (cf. TVD 183ss). A última palavra que Maria nos deu foi: faça tudo que Ele vos disser (cf. Jo 2, 5b). Mas, esse não foi o testamento de Jesus.

Antes de dizer “está tudo consumado” (Jo 19, 30), Jesus disse o seu último testamento: “Eis a tua mãe!” (Jo, 19, 27). Esse é o testamento de Jesus, que diz: esta é a tua Mãe, filho, esta é a tua Mãe. Daquele dia em diante, o discípulo amado tomou Maria consigo. Daquele dia em diante, o discípulo amado foi propriedade de Maria, foi escravo de Maria, servo dela, para que ela o modelasse e fizesse dele o verdadeiro sacerdote que ele, São João Evangelista, deveria ser.

Assim, para sermos o homem, ou a mulher, que de Deus quer que sejamos, precisamos aceitar a Virgem Maria em nossas vidas. Pois, ela já nos aceitou e nos assumiu como filhos. Nossa Senhora está à espera, para que, pela consagração total, lhe sejamos dóceis. Quando permitirmos que ela reine em nosso coração, acontecerá o triunfo do Reino de Jesus Cristo em nós. A partir desse triunfo do Imaculado Coração de Maria em nós, e a partir de nós para o mundo, acontecerá o Reino de Cristo, a salvação eterna, que todos nós esperamos.

Este é o nono artigo da série “Como fazer a consagração?”, retirado de palestras do Padre Paulo Ricardo no I Consagra-te de Cuiabá, em 2011. Leia também o primeiro artigo, intitulado “Qual é o segredo para a felicidade?“, o segundo, “Como entregamos os bens materiais a Virgem Maria?“, o terceiro: “Como entregar meus bens espirituais a Virgem Maria?“, o quarto: “Por que Rebeca é a imagem da Virgem Maria?”, o quinto: “Por que precisamos da Virgem Maria?“, o sexto: “Entregue tudo nas mãos de Nossa Senhora“, o sétimo: “A principal arma espiritual da consagração“ e o oitavo: “O uso da saia, do véu e da corrente na consagração“.


Natalino Ueda é brasileiro, católico, formado em Filosofia e Teologia. Na consagração a Virgem Maria, segundo o método de São Luís Maria Grignion de Montfort, explicado no seu livro “Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem”, descobriu o caminho fácil, rápido, perfeito e seguro para chegar a Jesus Cristo. Desde então, ensina e escreve sobre esta devoção, o caminho “a Jesus por Maria”, que é hoje o seu maior apostolado.

1 comentário

  1. maria da conceiçao ribeiro santos

    ore por min e minha familia ribeiro e santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com