A devoção a Maria é, comprovadamente, o sinal mais claro de uma família unida e o meio mais eficaz de produzir famílias santas.

A graça, como todos sabemos, não destrói a natureza, mas a eleva e aperfeiçoa. Foi por isso que Deus, ao confiar seu Filho único aos cuidados de Maria e José, quis que Nossa Senhora, como toda boa mãe, fosse o centro e o coração da Sagrada Família. A Ela Jesus, com incrível humildade, e José, com castíssimo amor, dedicavam seus melhores afetos e atenções.

E é também por isso que Maria, ainda hoje, deve continuar sendo a alma e o coração dos lares cristãos: Ela é a Rainha, o modelo, a ajuda e o ânimo para todas as famílias que desejam permanecer unidas e ser santas como santa foi a casinha de Nazaré.

A devoção a Maria é, comprovadamente, o sinal mais claro de uma família unida e o meio mais eficaz de produzir famílias santas.

A Visitação da Virgem Maria à sua prima Santa Isabel.

A devoção a Maria é uma fonte viva de benefícios, não só para o indivíduo, mas também para toda a sociedade, seja doméstica, seja civil ou religiosa. No que diz respeito à sociedade doméstica em particular, quatro palavras sintetizam as relações que ligam Maria SS. com a família cristã: Rainha, modelo, ajuda e ânimo.

Vejamos de que maneira o culto de devoção a Nossa Senhora pode ajudar a promover, de modo muitíssimo eficaz, a unidade e a santidade dos nossos lares. Continue lendo…

A necessidade da devoção e da oração a Nossa Senhora para a nossa santificação e a salvação de nossas almas segundo o grande mariólogo italiano Pe. Gabriel M. Roschini.

Todo coração católico sente-se irresistivelmente atraído por Maria. Quem tem a graça de crer, mesmo que careça de maior instrução, reconhece nela, por um suave instinto do Espírito Santo, não só a Mãe de Deus segundo a carne, mas também a própria Mãe segundo a graça. Mas, apesar dessa inclinação espontânea que todos temos a Nossa Senhora, será que é realmente necessário ser devoto dela? Não seria possível ser católico e conseguir a salvação eterna sem ter por Maria SS. um amor especial e uma singular veneração?

A necessidade da devoção e da oração a Nossa Senhora para a nossa santificação e a salvação de nossas almas segundo o grande mariólogo italiano Pe. Gabriel M. Roschini.

Nossa Senhora do Carmo entregando o Escapulário aos santos carmelitas João da Cruz, Teresa d’ÁVila e Teresa de Lisieux.

Nesta nova matéria, de autoria do Pe. Gabriel M. Roschini, grande mariólogo italiano, você irá entender por que tantos santos, baseados nas Escrituras e na razão humana, afirmaram que a devoção mariana é não apenas útil e conveniente, mas uma verdadeira necessidade, querida por Deus para a nossa santificação e salvação. Continue lendo…

Meditemos com Nossa Senhora de Guadalupe sobre a segunda vinda de seu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor.

Neste Advento, meditemos sobre as aparições de Nossa Senhora de Guadalupe e a segunda vinda de seu Filho Jesus Cristo. Pois, como diz o santo Evangelho, não sabemos o dia nem a hora que o Senhor há de voltar (cf. Mt 25, 13) e, por isso, precisamos nos preparar.

Meditemos com Nossa Senhora de Guadalupe sobre a segunda vinda de seu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor.

Imagem de Nossa Senhora de Guadalupe

A imagem de Nossa Senhora de Guadalupe, que de certa forma representa a visão de São João no capítulo 12 do livro do Apocalipse, nos ajuda a compreender a mensagem o Evangelho e a preparar a segunda vinda de Jesus Cristo. Além disso, neste Ano Mariano apareceu “um grande sinal no céu” (Ap 12, 1), que nos ajuda a refletir e a preparar as nossas mentes e os nossos corações para a vinda do Senhor Jesus.
Continue lendo…

Meditemos sobre o final do Ano Nacional Mariano e a comemoração dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida.

Neste dia 11 de outubro de 17, chegamos ao fim do Ano Nacional Mariano, instituído pela Congregação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), e no dia 12 comemoramos o jubileu de 300 anos do encontro milagroso da imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida nas águas do Rio Paraíba Rio Sul, na atual cidade de Aparecida-SP. O povo católico brasileiro está em festa pelos 300 anos de Nossa Senhora Aparecida, Rainha e Padroeira do Brasil!

Meditemos sobre o final do Ano Nacional Mariano e a comemoração dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida.

Imagem de Nossa Senhora Aparecida

No fim deste Ano Mariano, ao celebrarmos o jubileu dos 300 anos de Aparecida, nosso coração deve encher-se de alegria pelas graças e bênçãos concedidas por Deus através das mãos maternais da Virgem Maria. Devemos agradecer a nossa Mãe e Rainha por tantos favores recebidos nestes três últimos séculos. Além disso, apesar das “nuvens negras” que pairam sobre a sociedade do Brasil e do mundo, apesar da violência, das guerras, da separação das famílias, das ideologias que se espalham rapidamente, somos chamados por Nossa Senhora a uma atitude de fé e de esperança. Como outrora, supliquemos a nossa Mãe e Padroeira nos ajude a ser valorosos e a dizer nosso sim ao chamado de nosso Senhor Jesus Cristo ao amor, à santidade. Continue lendo…

Neste Ano Nacional Mariano, aprendamos a amar com o Coração Imaculado da Virgem Maria.

A palestra “Aprendendo a amar com o Coração de Maria” foi realizada por Padre Francisco Amaral no dia 06 de Agosto de 2017, no Encontro Arquidiocesano de Catequistas da Arquidiocese de Cuiabá. Este aconteceu na Casa de Missão da Canção Nova de Cuiabá-MT.

Neste Ano Nacional Mariano, aprendamos a amar com o Coração Imaculado da Virgem Maria.

Imaculado Coração de Maria

Padre Francisco Amaral afirma, em sua palestra, que a Igreja é chamada a ser uma Mãe Misericordiosa e pode aprender isso espelhando-se no Amor de Deus e no Amor da Virgem Maria. Continue lendo…

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com